Agora são: horas e minutos - Agradeço sua presença e volte sempre

5 cidades lendárias perdidas que nunca foram encontradas




Quem não gosta de uma boa história de aventura? E quem não ama filme de Indiana Jones, certo? E não seria maravilhoso encontrar um dia a Atlântida?

Apesar do fato de que a Atlântida pode ser uma das mais conhecidas cidades antigas "perdidas", há muitos outros lugares tão misteriosos e impressionantes quanto a Atlântida.Neste vídeo, eu convido a juntar-se a mim enquanto exploramos, cinco das antigas cidades lendárias perdidas que iludi os especialistas por séculos



A cidade perdida de Z.

Em abril de 1925, Percy Fawcett, um explorador britânico e arqueólogo, foi apresentado a uma aventura na selva brasileira da qual ele nunca voltaría.

Percy partiu para encontrar uma cidade perdida, que ele chamou de Z, em algum lugar em Mato Grosso, Brasil.  Só que ele nunca retornou dessa viagem, e nada mais foi ouvido dele e de seus companheiros que de Cuiabá foram para o Alto Xingu, um afluente do rio Amazonas

A fonte na qual ele construiu o sonho de encontrar uma cidade lendária na selva brasileira, uma espécie de El Dorado, foi em um Manuscrito chamado 512 que está hoje  na Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro, que é um documento escrito por um explorador português em 1753, no qual ele havia descoberto uma cidade murada nos confins da região de Mato Grosso que lembrava o design das cidades da Grécia Antiga.

Não foi só uma única vez que Percy embarcou em uma expedição para encontrar a Cidade Perdida de Z, mas esta foi a definitiva dele.

Até hoje, assim como Atlântida, a Lendária cidade de  Z continua sendo um profundo mistério e muitos especialistas argumentam que é só uma lenda.



Shambala.

Mais do que uma cidade perdida, é um reino poderoso.

Às vezes chamada de Shangri-La, Ela detém um lugar importante nas tradições budista, hindu e tibetana.

Dizem que o reino está exatamente na mesma forma de uma flor de lótus de oito pétalas cercada por uma série de montanhas de neve. No centro encontra-se o palácio do rei  que governa a cidade chamada Kalapa. Shambhala também é freqüentemente chamada de Shangri-La em alguns textos.

Textos hindus como o Vishnu Purana mencionam Shambhala como o local de nascimento de Kalki, a encarnação final de Vishnu, que dará início a uma nova Era de Ouro.



Aztlan.

É como uma Atlântida americana, e alguns autores até se aventuraram e disseram que poderia ser a Atlântida que estamos procurando.

Aztlan era a pátria dos astecas, de onde partiram para construir seu poderoso império com capital na atual Cidade do México.

De acordo com diferentes teorias, esta cidade perdida está localizada em algum lugar na América do Norte, com alguns autores afirmando que Aztlan existia no Utah moderno

Aztlan, cujo nome significa “a terra ao norte” ou “o lugar da brancura”. 'nunca foi encontrada. Mas os Anais de Tlatelolco colocam a migração dos astecas de Aztlan para Tenochtitlán em 24 de maio de 1064, o primeiro ano do calendário solar asteca



A Cidade Perdida de El Dorado.

Depois da Atlântida Eu acho que a lenda do El Dorado é uma das mais conhecidas hoje.

Na verdade, a busca pela cidade perdida do ouro foi o que motivou muitos conquistadores a viajar milhares de quilômetros por terrenos inóspitos na América do Sul, em busca de uma cidade que, segundo relatos, foi feita inteiramente de ouro

O mito de El Dorado foi associado a um governante que tomava banho  em um lago sagrado, o lago de Guatavita, no qual era toda a riqueza.

Embora, na realidade, o mito era na verdade uma cerimônia do povo colombiano de Muisca, realizada desde os tempos antigos

Em 1541 Francisco de Orellana foi o primeiro conquistador europeu a atravessar o rio Amazonas, açoitado pela busca de El Dorado. Mais tarde, Senhor Walter Raleigh, em 1594, partiu pela primeira vez em sua busca e em duas de suas viagens ele falhou.

Ninguém encontrou a cidade lendária e, assim como Atlântida e Aztlan, muitos acreditam que isso é nada mais que um mito



Camelot .

É o nome da fortaleza e reino do lendário Rei Arthur, de onde ele lutou muitas das batalhas que marcaram sua vida.

Assim como com outras cidades e lugares famosos, a localização exata de Camelot permanece um mistério, e muitos estudiosos argumentam que é inteiramente uma obra de ficção, e não real.

As histórias localizam-na em algum lugar na Grã-Bretanha e às vezes a associam a cidades reais, embora sua localização exata não seja revelada

A cidade foi introduzida pela primeira vez em romances franceses do século XII. A corte de Arthur em Camelot é mencionada pela primeira vez no poema de Chrétien Lancelot, o Cavaleiro da Carroça datado de 1170, embora não apareça em todos os manuscritos.

Camelot acabou por ser descrita como a capital fantástica do reino de Arthur e um símbolo do mundo arturiano.

Como a localização  permanece um mistério, a verdade sobre ela, se existiu, permanece um enigma.
Fonte


Via: https://universoufovni.blogspot.com.br/2018/04/5-cidades-lendarias-perdidas-que-nunca.html


Veja o vídeo a seguir:

Postagens mais visitadas deste blog

Porquê tomar o Cloreto de Magnésio P.A.?

ÍNDIA - Cientistas Criam Cruza de Humano com Gorila, Nascendo Bebê Híbrido!!

Homem constrói rádio chamado ''espírito de Tesla'' adivinha o que acontece quando ele é ligado? Assustador...

Governo japonês está preocupado com os efeitos da vacina contra HPV, como infertilidade e paralisia

Você já percebeu seu olho pulsando? Saiba o motivo disso acontecer

Como começou essa história de transmitir informações sem fio

Este garoto prodígio de 15 anos desenha animais anatomicamente corretos e já ilustrou até uma enciclopédia

PAUL PANTONE: ELE CRIOU UMA MOTOR QUE FUNCIONA COM 80% DE ÁGUA E DIMINUI MAIS DE 50% A EMISSÃO DE GASES NOCIVOS...