NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

Siga este Blog

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Astronauta faz vídeo inédito de jatos azuis misteriosos de eletricidade

Todo mundo já presenciou relâmpagos brotando de nuvens em um dia de chuva forte. No entanto, provavelmente nenhum de nós já observou uma forma menos conhecida de eletricidade explodindo no céu: os jatos azuis.
Essas gigantescas descargas elétricas raramente são fotografadas. Tipicamente, somente pilotos que voam sobre tempestades ativas os veem ou registram. Alguns satélites também já gravaram esse fenômeno, mas não muito bem.
Agora, um astronauta em uma missão específica para desvendar esses jatos fez o primeiro vídeo em cores de seu tipo.
Os dados do estudo foram publicados na revista Geophysical Research Letters.

Experimento Thor

Pesquisadores pediram ao astronauta Andreas Mogensen, da Agência Espacial Europeia (ESA), que realizasse o “Experimento Thor”, em homenagem ao deus nórdico do relâmpago, em 2015.
A missão era documentar tempestades da Estação Espacial Internacional (EEI) 400 quilômetros acima da Terra, com uma câmera muito sensível. Mogensen acabou filmando uma tempestade particularmente ativa sobre a Baía de Bengala, na Índia, e conseguiu registrar essa estranheza:

Para entender melhor o que está acontecendo, confira imagens fixas do passo a passo da tempestade:

Logo após os raios iluminarem as nuvens, você pode ver um cone azulado pulsar um pouco, e finalmente disparar para cima das nuvens. Ele percorre mais de 10 quilômetros e depois desaparece. Abaixo, confira um close-up do jato azul:

Sorte

Os jatos azuis movem-se em velocidades de mais de 360.000 quilômetros por hora, de acordo com o instituto geofísico da Universidade do Alaska em Fairbanks, EUA.
Eles formam espécies de cones à medida que se movem para cima, pelo menos até chegar a uma altura de cerca de 50 quilômetros, ponto no céu no qual os jatos desaparecem.
É muito difícil fotografar jatos azuis e seus primos de altitude mais alta, sprites vermelhos. Na verdade, os pesquisadores tentam estudá-los de perto desde a década de 1990.
As observações de Mogensen são as mais espetaculares já feitas, graças a uma junção fortuita de fatores, como uma tempestade invulgarmente ativa, o ângulo de visão do astronauta e a alta resolução de sua câmera.

Por que jatos azuis importam

Jatos azuis não são apenas um fenômeno curioso. Como os sprites vermelhos, eles podem desempenhar um papel vital na formação do ar que respiramos, combinando e separando diferentes tipos de moléculas atmosféricas.
Mas, por enquanto, sabemos muito pouco sobre eles.
Segundo Mogensen, uma missão de acompanhamento deve ser lançada em breve para estudar mais de perto os jatos azuis e outros fenômenos de altitude, incluindo meteoros. [BusinessInsider]

Via: http://hypescience.com/astronauta-faz-video-inedito-de-jatos-azuis-misteriosos-de-eletricidade/
NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO