NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

sexta-feira, 15 de abril de 2016

Exército, PF e Abin investigam ações urbanas de terror e risco de violência na fase pós-impeachment de Dilma

Imagem do que restou do BMW 550 blindado, explodido no Itaim Bibi, dia 27 de março: foram três ocorrências idênticas, no mesmo bairro, no mesmo mês, sem causar vítimas, apenas para incutir terror nos cidadãos.

Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Exclusivo - Na véspera da derrota previsível de Dilma Rousseff, a Agência Brasileira de Inteligência vaza a informação segura de que o Brasil corre risco concreto de ameaça terrorista pelo famoso Estado Islâmico. Certamente, o perigo nada tem a ver com o fato de Luiz Inácio Lula da Silva usar um carrão blindado que ganhou de presente uma tal "Igreja Muçulmana do Brasil". Também não deve ter relação com aquela famosa marchinha carnavalesca: "EI, você aí, me dá um dinheiro aí... Me dá um dinheiro aí".

Falando sério, a ameaça terrorista por aqui coincide com o momento delicado em que a União Europeia adota novas medidas concretas contra o terrorismo, através de uma vigilância total, com pente fino a passageiros que entram e saem dos diversos países do continente. A manjadíssima doutrina revolucionária prega que o apelo à violência e ao terror, para incutir medo na massa, é sempre um recurso usado quando existe uma ameaça concreta de perda de poder ou hegemonia pela facção criminosa que toma conta de um País subdesenvolvido.

Não se torna surpresa alguma a confirmação da Abin sobre uma eventual ação dos radicais do EI por aqui. Existem fatos concretos que confirmam a presença de radicais por aqui. Um deles foi a explosão a bomba, durante o mês de março, de três carros de luxo no Itaim-Bibi (bairro de classe média alta) da capital de São Paulo. As três ações de terror, para quem duvidar: dia 04/03 , Rua Urimonduba com 9 de julho, foi estourado um Hyundai Vera Cruz, placa- DZH9057, conforme Boletim de Ocorrência 2047. No dia 23/03, foi detonado o Passat Variante, placa FUI 3747, na Rua Anacetuba 71- segundo o BO 2644. No dia 27/03, na rua André Fernandes, 51, a ação de terror atingiu o BMW EOR 0808, de acordo com o BO 2746.

Os casos são investigados pela inteligência do Exército, pela Polícia Federal e pela Agência Brasileira de Inteligência. Coincidem com a explosão, no mesmo período, de pelo menos três agências bancárias na Grande São Paulo. Em todos os incidentes foram usados explosivos especiais, incomuns no Brasil, e largamente utilizados por terroristas nos moldes ligados. As Forças Armadas e a Polícia Militar de São Paulo também constataram que em duas operações sofisticadas de "comando", em Campinas e Santos, em março e abril, a guerrilha da esquerda revolucionária (empregando especialistas estrangeiros em explosivos) roubou R$ 70 milhões e matou dois policiais.

As ações sofisticadas do crime e terror ocorrem no mesmo momento em que o desgoverno Dilma corre o risco de acabar sem começar. A inteligência militar monitora, de perto, integrantes de supostos "movimentos sociais" que pregam e promovem ações radicais, fora da lei, sob o cínico argumento de "defesa da democracia e do mandato da Presidenta Dilma Rousseff, ameaçado pelo golpe do impeachment. Os militares têm reservas ao Movimento dos Sem Terra e afins - considerados "instrumentos do governo do crime, para a prática de Terrorismo do Estado, contra o povo e o Brasil. O MST, por exemplo, goza de imunidade, opera com recursos públicos e utiliza até um sofisticado esquema de cooperativas de crédito para movimentação de dinheiro. Sem apoio oficial, não existiria...

A advertência da Abin sobre o terrorismo agora ganha dimensão midiática com uma manchetinha do jornal Folha de São Paulo. A reportagem faz referência a uma postagem no Twitter, difundida no distante 17 de novembro de 2015, no qual o jovem francês Maxime Hauchard, de 22 aninhos, avisava que o "Brasil é o próximo" e que o Estado Islâmico podia atacar o que ele classificou de "esse País de merda". A tuitada circulou quatro dias após os atentados que mataram 130 pessoas em Paris.

Ontem, na Feira Internacional de Segurança Pública e Corporativa, no Rio de Janeiro que sediará as "Olimpiadas" de 2016, o diretor de Contraterrorismo da Abin, Luiz Alberto Sallaberry, escancarou que a velha mensagem de Hauchard elevada a probabilidade de um ataque terrorista ao Brasil: "A probabilidade de o País ser alvo de ataques terroristas foi elevada nos últimos meses, devido aos recentes eventos terroristas ocorridos em outros países e ao aumento no número de adesões de nacionais brasileiros à ideologia do Estado Islâmico".

Sallaberry ressalvou que a Abin não constatou, nos últimos cinco meses desde antão, a vinda ao Brasil de nenhum integrante do EI. O diretor de Contraterrorismo da Abin também informou que não foi detectada a movimentação dentro do Brasil de alguém ligado ao grupo terrorista radical islâmico, e muito menos de uma célula terrorista do EI. Sallaberry só fez uma ressalva à reportagem da Folha de S. Paulo: "Não estou dizendo que vá acontecer um atentado. Estou dizendo que é a primeira vez que a probabilidade aumentou sobremaneira em nosso País".

A reportagem da Folha de S. Paulo e a própria Abin deveriam investigar, mais a fundo, os ensaios terroristas no Itaim-Bibi que este Alerta Totalrevela com exclusividade... Custa nada...

Terrorismo Jurídico      


"Se houver falta de votos, não há intervenção judicial que salve".
Essa frase do ministro Gilmar Mendes, durante quase oito horas de sessão do Supremo Tribunal Federal que varou a madrugada, resume muito bem a inutilidade das manobras do desgoverno para tentar impedir o impeachment no tapetão da judicialização da politicagem.

Felizmente, a maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal rejeitou na madrugada de hoje recurso do governo que pedia a suspensão da votação do impeachment da presidente Dilma Rousseff, marcada para o domingo.

O desgoverno terminou derrotado tanto em pedidos assinados pela Advocacia-Geral da União como nos impetrados por aliados do PC do B, que também questionavam a ordem de votação definida pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

Porta do STF escancarada...

O presidente do Supremo Tribunal Federal, Ricardo Lewandowski, sugeriu que o STF pode discutir se a Presidente cometeu ou não crime de responsabilidade:

"Não fechamos a porta para uma eventual contestação no que diz respeito à tipificação dos atos imputados à senhora presidente no momento adequado".

O advogado-geral da União, José Eduardo Cardozo, adiantou que o governo deverá de acionar novamente o judiciário, caso o plenário da Câmara se refira a dois pontos incluídos na denúncia inicial...

Revelações etílicas


Tem gente no desgoverno apavorada com os efeitos colaterais que uma crise de abstinência possa provocar no Gim Argello, levando o ex-senador a aderir a uma perigosa "colaboração premiada"...

Responda se puder...


Antes pensar em assumir a Presidência da República, o jurista Michel Temer tem a obrigação ética e moral de assumir uma posição pública em favor da continuidade da Operação Lava Jato - que até agora apenas desvendou uma pequena parte do organizado sistema de corrupção institucionalizada no Brasil.

Temer não tem o direito de entrar para a História como um dos líderes de uma manobra que pretende neutralizar o magistrado da Lava Jato e sua Força Tarefa.

A maioria esmagadora da sociedade brasileira não deseja que o impedimento político de Dilma Rousseff se transforme em um golpe hediondo contra a Lava Jato e tantos outros processos de corrupção que precisam ser apurados com todo rigor.

Fala sério...

Em vídeo a ser divulgado nas redes sociais, Lula promete inaugurar um "novo estilo de governo" ao lado de Dilma se o impeachment for arquivado no domingo.

Dentro do pacto que proporá ao país, Dilma cogita apoiar a convocação de eleições gerais em outubro.

Dilma e o companheiro $talinácio pedirão, publicamente, um voto de confiança aos deputados que resolveram investir na queda da Presidenta...

Gozação de Lula?


Golpe falhou


Tomou no STF



Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!


O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 15 de Abril de 2016.
NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

Disso Você Sabia ? no Facebook