NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

Siga este Blog

terça-feira, 26 de abril de 2016

Editorial de jornal francês diz: “A ex-guerrilheira que se tornou uma presidente autoritária”

Como em situações anteriores, a imprensa internacional tem dado maior destaque a crise política brasileira do que as mídias nacionais, um exemplo é a edição do ultimo dia 19, do jornal francês Lê Fígaro, que falou sobre o absurdo de se ter uma ex-guerrilheira presidente do Brasil, afirmando que, ineficaz, está próximo da queda.
Em sua edição de terça-feira (19), o jornal conservador francês Le Figaro faz um perfil da presidente Dilma Rousseff, apontando as possíveis causas do que chama de “sua queda final”, que estaria próxima após a votação do impeachment na Câmara.
Intitulado “A ex-guerrilheira que se tornou uma presidente autoritária“, o texto afirma que Dilma se revelou, ao longo do primeiro mandato, “autoritária, inflexível, incapaz de delegar funções e, portanto, ineficaz”.

Dilma é líder mais decepcionante do mundo em votação de revista americana

Consultoria internacional coloca Brasil entre os maiores riscos do mundo em 2016

Estrago feito por Dilma é tão grande que Brasil puxa crescimento do MUNDO para baixo

O artigo também defende que Dilma não conseguiu agradar nem a esquerda, ao ignorar movimentos sociais, permitir a construção da hidrelétrica de Belo Monte e, recentemente, reduzir investimentos sociais por causa da recessão econômica.
Le Figaro entrevistou o professor da Universidade de São Paulo André Singer, para quem Dilma entrou em rota de colisão com os bancos ao tentar baixar as taxas de juros. Outro entrevistado é Milton Temer, do PSOL, que afirma ao jornal que Dilma “foi abandonada pela direita quando não serviu mais a seus interesses”.
Segundo o jornal, a derrota de domingo na votação do Congresso foi humilhante para a presidente, e o que se viu na entrevista coletiva de ontem à tarde foi uma presidente firme, mas emocionada. (Via: RFI)

Uma das revistas mais influentes do mundo defende cancelamento das Olimpíadas do Rio

Brasil corrupto: País tem pior queda do mundo no ranking de corrupção global

Especialistas concluem que governo brasileiro anda na “contramão do mundo” censurando e fiscalizando acesso da população à WEB

NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO