NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

Siga este Blog

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Tesla, Um Enviado dos Céus e a Guerra à Consciência

Em 1899, Nikola Tesla deu uma entrevista ao jornalista John Smith, em que lhe disse: "Tudo o que existe é Luz. Num de seus raios é o destino das nações. Cada nação tem o seu próprio raio naquela grande Fonte de Luz que vemos como um Sol". Nesta entrevista este inventor, e maior visionário dos tempos modernos, desvenda uma nova visão da humanidade que nós, guerreiros da luz da primeira e de última hora criamos um século mais tarde. Uma leitura obrigatória para cada Mestre Ascensionado do PAT.

Parte desta entrevista é dedicada aos críticos de Tesla sobre a teoria da relatividade de Einstein, que descarta o Éter como energia. Eu provei na nova Teoria da Lei Universal, porque a teoria da relatividade de Einstein está totalmente errada, porque não há vácuo (void) e que tudo é energia. Assim eu confirmo as idéias de Tesla expressas nesta entrevista.
George, 07 de maio de 2015
***********************
Nota minha:
Depois desta entrevista dada por Tesla, que considero nada mais que Revelações de um Ser extraordinário, deixarei dois vídeos também reveladores e que estão relacionados com tudo quanto Tesla disse. Não é pois de admirar que estamos na fase final de uma guerra monstruosa contra a Luz e Consciência, tendo em conta que estes inofensivos vídeos, foram censurados pela tão aclamada TED TALK, apenas porque dizem a Verdade. Vale a pena assistir aos vídeos, ambos legendados. 

No primeiro vídeo, Rupert Sheldrake refere-se à desilusão que é a ciência. No segundo vídeo, Graham Hancock fala da guerra à Consciência.

**************************************
TESLA MEETS KING PETER II OF YUGOSLAVIA ON JULY 15, 1942. TESLA’S NEPHEW, SAVA KOSANOVIĆ, IS THIRD FROM THE LEFT
****************************************************************
Jornalista: Sr. Tesla, você ganhou a glória do homem que se envolveu nos processos cósmicos. Quem é você, Sr. Tesla?
Tesla: É uma boa pergunta, Sr. Smith, e eu vou tentar dar-lhe a resposta certa para isso.
Jornalista: Alguns dizem que você é da Croácia, de uma região chamada Lika, onde, juntamente com as pessoas crescem árvores, vivem as rochas e o céu estrelado. Eles dizem que a sua aldeia natal tem o nome de flores da montanha e que a casa onde você nasceu, fica ao lado da floresta e da igreja.
Tesla: Realmente, tudo isso é verdade. Estou orgulhoso da minha origem sérvia e de ter a Croácia por lar. 
Jornalista: Os futuristas dizem que os séculos XX e  XXI nasceram da cabeça de Nikola Tesla. Eles celebram o campo magnético e por outro lado, cantam hinos a motores por indução. Seu criador foi chamado o caçador da luz, que a captava na sua rede desde as profundezas da Terra,  o guerreiro que capturou Fogo do céu. Pai da corrente alternada fez com que a Física e Química dominassem metade do mundo. A Indústria anuncia-o como seu santo supremo e o ser um "banqueiro" para todos, é a sua benfeitoria. No laboratório de Nikola Tesla, pela primeira vez o átomo é dividido e criada uma máquina, que faz com que haja as vibrações sísmicas. Há raios cósmicos descobertos. Cinco raças vão adorá-lo no templo do futuro, porque revelou o grande segredo dos Elementos de Empédocles que são espalhados com a força vital do Éter.
Tesla: Sim, estas são algumas das minhas mais importantes descobertas. Eu sou um homem derrotado. Porque não fiz o melhor que podia.
Jornalista: O que é isso, Sr. Tesla?
Tesla: Eu queria iluminar toda a Terra. Há eletricidade suficiente para que se torne um segundo Sol. A Luz iria aparecer ao redor do equador, tal como um anel ao redor de Saturno.
A humanidade não está pronta para o que é grande e bom. Em Colorado Springs inundei a Terra com eletricidade. Também podemos espalhar outras energias, como a energia mental positiva. Elas estão na música de Bach, Mozart, ou nos versos de grandes poetas. No interior da Terra, há a energia da alegria, da paz e do Amor. As suas expressões são a flores que crescem da Terra, o alimento que dela sai e tudo o que a faz ser o lar do Homem. Passei anos procurando a forma de como essa energia poderia influenciar as pessoas. A beleza e o perfume das rosas podem ser usados como medicamento e os raios de Sol, como alimento.
A vida tem um número infinito de formas. O dever dos cientistas é encontrá-la em todas as formas de matéria. Três coisas são essenciais neste processo. Tudo o que faço é uma pesquisa para eles. Eu sei que não vão encontrá-la, mas não vou desistir.
Jornalista: O que são essas coisas?
Tesla: A primeira questão, é a alimentação. Qual a energia estelar ou terrestre que  possa alimentar os famintos na Terra? Com que vinho aguado se pode apagar toda a sede? para que eles possam celebrar em seus corações e entender que são deuses?
A segunda questão, é destruir o poder do Mal e do sofrimento pelo que a vida do homem passa! Ás vezes  esse Mal ocorre como uma epidemia nas profundezas do Espaço. Neste século, essa doença espalhou-se no Universo a partir da Terra.
A terceira questão éExiste excesso de luz no Universo? Eu descobri uma Estrela que por todas as leis astronômicas e matemáticas poderia desaparecer, e que nada seria modificado. Esta Estrela está nesta Galáxia. A sua Luz pode ser de tal densidade que se encaixaria em uma esfera menor do que uma maçã, e seria mais pesada do que o nosso Sistema Solar. Religiões e filosofias ensinam que o Homem pode se tornar o Cristo, Buda ou Zoroastro. O que eu estou tentando provar é mais audaz, é quase inacessível: Isto é o que se passa no Universo;  cada ser nasce como um Cristo, um Buda ou um Zoroastro.
Eu sei que precisam da gravidade para tudo que é feito para voar, mas, a minha intenção não é fazer dispositivos de voo (aviões ou mísseis), mas ensinar as pessoas a recuperar a consciência das suas próprias asas ... Além disso; Estou tentando despertar a energia contida no ar, a principal fonte de energia. O que é considerado como o espaço vazio é apenas uma manifestação de matéria que ainda não despertou.
No espaço vazio, neste Planeta, no Universo, ou nos Buracos Negros que os astrônomos falam, existe a Fonte mais poderosa de Energia e de Vida.
Jornalista: Na janela do seu quarto, no hotel "Valdorf-Astoria", no trigésimo terceiro andar*, todas as manhãs, as aves pousam.
Tesla: Um homem deve ser sentimental para com as aves. Isto por causa de suas asas. Humanos tiveram-nas uma vez, eram reais e visíveis!
Jornalista: Você ainda não parou de voar desde aqueles dias distantes em Smiljan!
Tesla: Eu queria voar do telhado e caí: os cálculos das crianças podem estar errados. Lembre-se: As asas da juventude são tudo na vida!
Jornalista: Alguma vez você se casou? Não se sabe se tem afeição ou amor por uma mulher. Fotos da sua juventude mostram que era homem bonito.
Tesla: Não tive mulher nenhumaHá dois pontos de vista: ou se dá muito carinho ou nenhum. O meio termo serve para rejuvenescer a raça humana. As mulheres para certas pessoas nutrem e reforçam a vitalidade e o espírito. Ser solteiro, para outros, faz o mesmo efeito. Eu escolhi esse segundo caminho.
Jornalista: Os seus admiradores estão reclamando que você ataca a Teoria da Relatividade. O estranho é a sua afirmação de que a matéria não tem energia, mas que tudo está imbuído dela, onde está ela?
Tesla: Primeiro foi a Energia, depois a Matéria.
Jornalista: Sr. Tesla, é como quando  disse que nasceu por seu pai e não por si?
Tesla: Exatamente! E sobre o nascimento do Universo? A Matéria é criada a partir da Energia Original e Eterna e que nós conhecemos como Luz. Ela brilhou, e então apareceram as Estrelas, os Planetas, o Homem e tudo na Terra e no Universo. A Matéria é a expressão das formas infinitas da Luz, porque a Energia é mais velha do que a Matéria. Há quatro Leis da Criação:
A primeira é a Fonte de Tudo O Que É, a Escuridão desconcertante que a mente ou medida matemática não pode sequer conceber. Nesse emaranhado cabe Todo o Universo.
A segunda Lei; Espalha-se a Escuridão, que é a verdadeira natureza da Luz, o Inexplicável transforma-se em Luz.
A terceira Lei é a necessidade da Luz, de se transformar em Matéria de Luz.
A quarta Lei é: sem começo e sem fim; o que une as três Leis anteriores, sempre as mesmas e a Criação é Eterna.
Jornalista: A sua hostilidade pela Teoria da Relatividade foi tão longe, que fez palestras contra o seu criador nas suas festas de aniversário.
Tesla: Lembre-se, não é o espaço que é curvo, mas a mente humana que não pode compreender o Infinito e a Eternidade! Se a relatividade fosse claramente entendida, o criador iria ganhar a imortalidade, mesmo fisicamente, se  isso lhe agradasse.
Faço parte da  Luz e a Luz é música. A Luz preenche os meus seis sentidos: eu vejo, ouço, sinto, cheiro, toco e penso. Pensar é o meu sexto sentido. As partículas de Luz são notas escritas. O raio pode ser uma sonata inteira. Mil relâmpagos são um concerto.
Para um concerto criei um Relâmpago que pôde ser ouvido sobre os picos gelados dos Himalaias. Contra as leis de Pitágoras e da sua matemática, um cientista não pode e não deve ir contra. Números e equações são símbolos que marcam a Música das Esferas. Se Einstein tivesse ouvido esses sons, ele não teria criado a teoria da relatividade. Esses sons são as mensagens da Mente, de que a vida tem sentido, de que o Universo existe em perfeita Harmonia, e a sua Beleza, é a causa e o efeito da Criação. Esta música é o Eterno Ciclo dos Céus Estelares.
A menor Estrela faz parte da composição e completa a sinfonia celestial. Na Terra os batimentos cardíacos do homem, são parte dessa sinfonia. Newton aprendeu que o segredo está no arranjo geométrico e no movimento dos Corpos Celestes. Ele reconheceu que a Lei Suprema da Harmonia existe no Universo. O espaço curvo é o caos e o caos, não é música. Einstein é o mensageiro do tempo do caos e da fúria do som.
Jornalista: Sr. Tesla, você ouve a música?
Tesla: Eu ouço-a o tempo todo. O meu ouvido espiritual é tão grande, quanto o céu que vemos acima de nós. A minha audição natural aumenta no meu radar. De acordo com a teoria da relatividade, duas linhas paralelas encontram-se no Infinito. Por que Einstein, o curvado Einstein, as foi endireitar? Uma vez criado, o som dura para sempre. Um homem pode desaparecer, mas continua a existir no silêncio... o que é o maior poder do Homem.
Não, eu não tenho nada contra o Sr. Einstein. Ele é uma pessoa amável e tem feito muitas coisas boas, algumas das quais se tornarão parte da música. Vou escrever-lhe e tentar explicar que o Éter existe, e que as suas partículas são o que mantém o Universo em Harmonia e a vida na Eternidade.
Jornalista: Diga-me por favor, sob que condições os Anjos descem à Terra?
Tesla: São dez as condições. Mantenho boas relações com os Vigilantes.
Jornalista: Eu irei documentar todas as suas palavras, Caro Sr. Tesla.
Tesla: A primeira condição, é possuir uma alta Consciência da sua missão e do trabalho a ser feito. Deve, ainda que apenas vagamente, existir logo nos primeiros dias de vida. Não sejamos falsamente modestos; O carvalho é uma árvore e uma árvore sabe-se que o é. Um arbusto ao lado dela não deixa de ser um arbusto. Quando eu tinha doze anos, tive a certeza de que iria chegar ás Cataratas do Niágara. A maioria das minhas descobertas tive-as na minha infância e sabia que iria alcançá-las, embora não aparentemente...
A segunda condição, é a determinação. Tudo o que eu pude, eu terminei.
Jornalista: Qual é a terceira condição, Sr. Tesla?
Tesla: Orientação de todas as energias vitais e espirituais para o trabalho. Portanto , a purificação dos muitos defeitos e necessidades que o homem tem. Ou seja, eu não perdi nada, apenas ganhei. Porque então eu era feliz dia e noite. Anote: - Nikola Tesla era um homem feliz ...
A quarta condição, é o ajuste do físico com o trabalho.
Jornalista: O que quer dizer, Sr. Tesla?
Tesla: Em primeiro lugar, a manutenção do conjunto. O corpo do homem é uma máquina perfeita. Eu sei o que é o meu circuito e o que é bom para ele. Os alimentos que quase todas as pessoas comem, são para mim prejudiciais e perigosos. Às vezes pressinto que os Chefs de todo mundo conspiram contra mim... Toque na minha mão.
Jornalista: Está fria.
Tesla: Sim. A corrente sanguínea pode ser controlada, assim como muitos  dos processos dentro e em torno de nós. Por que você está assustado jovem?
Jornalista: É por causa de uma história estranha que Mark Twain escreveu, um misterioso e maravilhoso livro sobre Satanás, inspirado por você.
Tesla: A palavra "Lúcifer" é mais charmosa. Mr. Twain gosta de brincar. Em criança, uma vez curei-me lendo os seus livros. Quando nos encontramos e lhe contei sobre isso, ele ficou tão emocionado que chorou. Tornamo-nos amigos e muitas vezes ele foi ao meu laboratório. Uma vez  ele pediu-me  para lhe mostrar uma máquina que por vibração, provocava a sensação de bem-aventurança. Era uma daquelas invenções para o entretenimento, o que às vezes eu gostava de fazer.
Eu avisei Mr. Twain para não permanecer sob estas vibrações. Ele não escutou e ficou mais tempo. Ele acabou por ser projetado como um foguete e acabou segurando as calças na mão. Foi um momento diabolicamente engraçado, mas eu mantive-me sério.
Mas, para ajustar o "circuito" físico temos de ter em conta os alimentos, porque o sonho é muito importante. Depois de um longo e cansativo trabalho, que exija um esforço sobre-humano, uma hora de sono era o bastante eu ficava totalmente recuperado. Ganhei a capacidade de gerir o sono, ou seja, adormecer e acordar na hora que eu tinha estipulado. Se eu faço algo que não entendo, esforço-me por pensar nisso nos meus sonhos e assim, encontro a solução.
Tesla: A quinta condição de adaptação é a memória. Talvez na maioria das pessoas, o cérebro seja o detentor do conhecimento sobre o mundo e o adquirido ao longo da vida. O meu cérebro está envolvido em coisas mais importantes do que lembrar, ele está sempre buscando o que é necessário num dado momento. Está tudo à nossa volta, só é preciso ser consumido. Tudo o que alguma vez  se viu, ouviu, leu ou aprendeu, acompanha-nos na forma de partículas de luz. Para mim, essas partículas são obedientes e fiéis.
Fausto de Goethe, é meu livro favorito, eu o decorei em alemão quando estudante, e agora posso recitar tudo. Eu tive as invenções durante anos na minha cabeça, e só depois as coloquei em prática.
Jornalista: Você frequentemente menciona o poder da visualização.
Tesla: Eu poderia agradecer à visualização por tudo quanto inventei. Os acontecimentos da minha vida e as minhas invenções são reais, estão à frente dos meus olhos, visíveis como cada facto ou item. Na minha juventude, tive medo por não saber o que seria isso, mas mais tarde, aprendi a usar esse poder como um talento e dom excepcional. Eu o alimentei e zelosamente o guardei. Também fiz correções através da visualização na maioria das minhas invenções e terminei-as dessa forma, através da visualização. Resolvia mentalmente equações matemáticas complexas. Por esse dom que possuo, receberei o estatuto de Alto Lama do Tibete.
A minha visão e audição são perfeitas e ouso dizer, muito mais fortes do que nas outras pessoas. Eu ouço o trovão a uma centena de milhas de distância e vejo cores no céu que outros não podem ver. Esta ampliação da visão e da audição eu tinha quando criança. Mais tarde desenvolvi-as conscientemente.
Jornalista: Na juventude você esteve várias vezes seriamente doente. É a doença um requisito para a adaptação?
Tesla: Sim. Muitas vezes, é o resultado de uma falta, ou o esgotamento da força vital, mas a purificação da mente e do corpo impede as toxinas de se acumularem. É necessário que um homem sofra de vez em quando. A fonte da maioria das doenças está no espírito. Portanto, o espírito pode curar a maioria das doenças. Quando estudante fiquei doente de cólera, doença que assolou a região de Lika. Curei-me porque o meu pai finalmente me permitiu estudar tecnologia, o que era a minha vida.  lusão para mim não é uma doença, mas sim a capacidade da mente para penetrar além das três dimensões da Terra.
Eu tive-as toda a minha vida, e recebi-as como a todos os outros fenômenos que nos rodeiam. Uma vez na infância,  estava andando ao longo do rio com o  meu tio e disse: "Agora na água vai aparecer uma truta e vou atirar uma pedra e vou-lhe acertar." Isso foi exatamente o que aconteceu. Assustado e surpreso, o meu tio gritou: "Vade retro de Satanás!"  Ele era  educado e falava em latim ...
Eu estava em Paris quando vi a morte da minha mãe. No céu, cheio de luz e música flutuavam criaturas maravilhosas. Uma delas tinha o caráter de uma mãe e estava olhando para mim com amor infinito. Quando a visão desapareceu, eu sabia que minha mãe tinha morrido.
Jornalista: Qual é a sétima condição, Sr. Tesla?
Tesla: A sabedoria de  transformar a energia mental e vital naquilo que queremos, o nosso objetivo, e alcançar o controle sobre todos os sentimentos. Os Hindus chamam-lhe Yoga Kundalini. Este conhecimento pode ser aprendido, mas são precisos muitos anos, ou então é adquirido por nascimento. A maioria do conhecimento ou dons que tenho, adquiri-os à nascença. Estão em estreita ligação com a energia sexual, que é depois difundida no Universo. 
Eu sempre soube porque fui alertado, que não se deve desperdiçar energia sexual. Eu mesmo criei aquilo que queria ser: uma potente máquina pensadora e espiritual.
Jornalista: A nona condição, Sr. Tesla?
Tesla: Faça em qualquer dia, a qualquer momento, se possível, para não esquecer quem somos e por que estamos na Terra. Pessoas extraordinárias estão lutando contra a doença, contra a privação, ou contra a sociedade que fere com a sua estupidez, mal-entendidos, perseguições e outros problemas de que o país está cheio, como um pântano com insetos. Não desista e não reclame até ao final da Obra. Há muitos anjos caídos na Terra.
Jornalista: Qual é a décima condição?
Tesla: É a mais importante. Escreva que o Sr. Tesla brinca. Ele brincou toda a vida e gostou.
Jornalista: Oh Sr. Tesla! isto se relaciona com as suas conclusões e o seu trabalho? É isto uma brincadeira? 
Tesla: Sim, meu caro rapaz. E tanto que gostava de brincar com a eletricidade! Eu sempre tremo quando ouço sobre o Grego que roubou o Fogo. A terrível história sobre o roubo, e águias que lhe bicam o fígado. Será que Zeus não tinha relâmpagos e trovões suficientes, e foi derrubado por orgulho? Há aqui algum mal-entendido...
Os relâmpagos são os mais belos brinquedos que podem ser encontrados. Não se esqueça que no seu texto se destaca: Nikola Tesla foi o primeiro homem que descobriu um raio.
Jornalista: O Sr. Tesla, você está falando apenas de Anjos e as condições que os trazem à Terra.
Tesla: Eu? é o mesmo. Você poderia escrever isso: E ele se atreveu a tomar sobre si as prerrogativas de Indri, Zeus e Peron. Imagine que um desses deuses, durante a noite, num terno preto como os de - Coco Chanel e calçando luvas brancas de algodão, prepara raios, incêndios e terremotos à elite de New York City!
Jornalista: Isso é para os leitores de humor do nosso jornal. Mas você me confunde afirmando que as suas descobertas, que têm imensos benefícios para as pessoas, são uma brincadeira. Muitos vão ler isto e ficar muito zangados.
Tesla: Caro Mr. Smith, o problema é que as pessoas são demasiado raivosas. Se não fossem, elas seriam mais felizes e muito mais tempo teriam vivido. O provérbio chinês diz que a seriedade reduz o tempo de vida. Quando visitarem o TaiPe... adivinhem porque vão ao Palácio Imperial. Mas os leitores do jornal já franzem a testa, vamos voltar às coisas que eles consideram importantes.
Jornalista: Eles gostariam de saber qual é a sua filosofia.
Tesla: A vida tem um ritmo que deve ser compreendido. Eu sinto o ritmo  oriento-me e deixo-me ir por ele. Sou-lhe muito grato porque me deu o conhecimento que tenho. Tudo o que vive está interligado a um nível profundo e num maravilhoso relacionamento: O Homem e as Estrelas, as amebas e o Sol, o coração e a circulação, num número infinito de mundos. Estes laços são inquebráveis, mas podem ser dóceis e subtis propiciando a criação de novas e diferentes relações do mundo,  que não violem o Antigo.
O conhecimento vem do Espaço; A nossa visão é o seu conjunto mais perfeito. Temos dois olhos mais um: os terrenos e o espiritual. Recomenda-se que se tornem num olho só. Universo está vivo em todas as suas manifestações, como um animal pensante.
A pedra é um pensamento e um ser senciente, tal como o vegetal, o animal e o Homem. A Estrela cintila pedindo que a vejam, e se não formos seres auto-absorvidos de todo, podemos entender a sua linguagem e considerar a sua mensagem. A respiração, os olhos e os ouvidos do homem, devem estar de acordo com a respiração e com olhos e ouvidos do Universo.
Jornalista: Da forma como diz isso, parece-me que ouço textos budistas, palavras do taoísta Parazulzusa.
Tesla: É isso mesmo! Isso significa que não é do conhecimento geral e é a verdade que o homem sempre possuiu. Na minha percepção, sensação e experiência, o Universo tem apenas uma substância e uma energia suprema, com um número infinito de manifestações da vida. A melhor coisa é a descoberta de uma natureza secreta, que revela o outro.
Não se podem esconder, existem em torno de nós, mas nós somos cegos e surdos a eles. Se nos ligarmos emocionalmente com eles, eles mesmos vêm até nós. Há um monte de maçãs, mas uma só de Newton. Ele pediu apenas uma maçã que caiu na sua frente.
Jornalista: A pergunta que fiz no início desta conversa. O que  seria a eletricidade para si, Caro Sr. Tesla?
Tesla: Tudo é eletricidade. Primeiro foi a Luz, a interminável Fonte de Onde Tudo Vem; A Matéria, que depois se distribui em todas as formas que representam o Universo e a Terra, com todos os seus aspetos da vida. A Treva é a verdadeira face da Luz, somente nós não vemos isso. É uma graça notável para o homem e para as outras criaturas. Uma das suas partículas possui Luz, térmica, nuclear, radiação, químicos, mecânica e uma energia não identificada.
Ela tem poder para colocar a Terra na sua órbita. É na verdade a alavanca de Arquimedes.
Jornalista: O Sr. Tesla, você está muito inclinado para eletricidade.
Tesla: Eletricidade eu sou! Ou, se você quiser, eu sou a eletricidade na forma humana. Você é eletricidade; também Mr. Smith, mas você não percebe isso.
Jornalista: Terá assim capacidade de permitir que passe uma corrente de um milhão de volts através de seu corpo?
Tesla: Imagine um jardineiro atacado pelas ervas. Isso seria realmente uma loucura. O corpo e o cérebro do homem são feitos com uma enorme quantidade de energia; Em mim, a maior parte não é eletricidade. A energia é diferente em cada um, é o que faz o "eu", ou  a "alma" humana. Para outras criaturas é a sua essência: a "alma" da planta,  a "alma" dos minerais, a alma dos animais.
A função cerebral da morte manifesta-se na luz. Meus olhos na juventude eram negros, agora são azuis, e com o tempo que passa e o cérebro fica mais forte, eles estão cada vez mais próximos do branco. O branco é a cor do céu. Através de minha janela uma manhã, aterrou uma pomba branca, que eu alimentei. Ela queria me dizer uma palavra. Ela queria dizer que estava a morrer. De seus olhos os jatos de luz foram saindo. Nunca nos olhos de qualquer criatura eu tinha visto tanta luz, como nos dessa pomba.
Jornalista: O pessoal do seu laboratório diz que flashes de luz, chamas e relâmpagos ocorrem ,quando você está com raiva, ou em qualquer tipo de risco.
Tesla: É uma descarga psíquica ou um aviso para estar alerta. A luz esteve sempre do meu lado. Você sabe como descobri o campo e indução do motor magnético rotativo, que me tornaram famoso, quando tinha vinte e seis anos? Uma noite de Verão em Budapeste, assisti com meu amigo Sigetijem ao Pôr do Sol.
Milhares de fogos giravam em milhares de cores flamejantes. Lembrei-me de Fausto e recitei os versos e de seguida, envolto como que em uma névoa, vi girar o campo magnético e o motor de indução. Vi-os no Sol!
Jornalista: O serviço de hotel diz que, no momento em que cai um raio, você se isola na sala e fala consigo mesmo.
Tesla: eu falo com os relâmpagos e os trovões.
Jornalista: Fala com eles? Que língua, Mr.Tesla?
Tesla: Principalmente a minha língua nativa. Tem as palavras e sons, especialmente na poesia, que são adequadas para eles.
Jornalista: Os leitores de nossa revista ficariam muito gratos se você pudesse explicar isso.
Tesla: O som não existe apenas nos trovões e relâmpagos, mas, na transformação, no brilho e na cor. A cor pode ser ouvida. A língua é feita de palavras, o que significa que é moldada a partir dos sons e das cores. Cada trovão e relâmpago é diferente do outro e tem o seu nome. Eu chamo alguns deles pelos nomes daqueles que me são ou eram, próximos na  vida, ou aqueles a quem admiro.
No brilho do céu e clamor dos relâmpagos vive a minha mãe, a minha irmã, o meu irmão Daniel, o poeta Jovan Jovanovic Zmaj e outras pessoas da história sérvia. Nomes como AsIsaiah, Ezequiel, Leonardo, Beethoven, Goya, Faraday, Pushkin e todas as chamas ardentes que  compõem  concentrações e emaranhados de relâmpagos e trovões, que não param toda a noite trazendo chuva preciosa para a Terra, para as árvores, ou para as aldeias em chamas.
Há relâmpagos e trovões, e esses são os mais brilhantes e os mais poderosos. São os que não vão desaparecer. Eles estão voltando e eu reconheço-os entre milhares.
Jornalista: Para si, a ciência e poesia são o mesmo?
Tesla: São  dois olhos de uma pessoa. A William Blake foi ensinado que o Universo nasceu da imaginação que ainda se mantém e que vai existir enquanto houver um homem na Terra. Com Ele estava uma roda para que os astrônomos pudessem recolher as Estrelas de todas as Galáxias. A energia criativa é idêntica à energia luminosa.
Jornalista: A imaginação é mais real para si do que a própria vida?
Tesla: Dá à luz a vida. Sempre me alimentei do meu pensamentoprendi a controlar as emoções, os sonhos e as visões. Eu sempre valorizei e especialmente nutri o meu entusiasmo. Quase toda a minha vida estive em êxtase. Essa foi a fonte da minha felicidade. Isso me ajudou durante todos estes anos a suportar o meu trabalho, que foi suficiente para cinco vidas. O melhor é trabalhar durante a noite, porque a luz estelar mantém um vínculo estreito.
Jornalista: O senhor disse que eu sou, como todos os seres, de  Luz. Isso me lisonjeia, mas confesso, que não entendo muito bem.
Tesla: Por que você precisa entender, Sr. Smith? Basta-lhe acreditar. Tudo é Luz. Num de seus raios, é o destino das nações. Cada nação tem o seu próprio raio, da grande fonte de luz que vemos como Sol. E lembre-se: ninguém que lá esteja, morreu. Foram transformados em Luz, e como tal, existem ainda. O segredo está no fato de que as partículas de luz restauram o seu estado original.
Jornalista: Isso é a ressurreição!
Tesla: Eu prefiro dizer que é voltar a uma energia anterior Suprema. Cristo e vários outros sabiam o segredo. Eu procuro saber como preservar a energia humana. Procuro saber quais são as formas de Luz, até da própria Luz Celestial. Não o faço por mim, mas para o bem de todos. Eu acredito que as minhas descobertas tornariam a vida das pessoas mais fáceis e mais suportáveis e com a vantagem, de as ajudar a direcionar esta mesma vida para a moralidade e espiritualidade.
Jornalista: Você acha que o tempo pode ser abolido?
Tesla: Não é bem assim, porque o primeiro ímpeto da energia é a transformação. Ela está em perpétua transformação, como as nuvens dos taoístas. Mas é possível considerar o fato de que um homem preserva a consciência após a vida terrena. Em todos os cantos do Universo existe a energia da vida; uma delas é a da imortalidade, cuja origem está fora do homem e esperando por ele.
O Universo é espiritual; nós somos apenas agentes ainda incompletos. O Universo é mais moral do que nós, porque nós não sabemos a sua natureza e como harmonizar a nossa vida com Ele. Eu não sou cientista, mas a ciência é talvez a forma mais conveniente para encontrar a resposta para a pergunta que sempre me persegue e que nos meus dias e noites, se transformou em fogo.
Jornalista: Qual é a pergunta?
Tesla: Como os seus olhos brilharam... O que eu queria saber é: O que acontece a uma Estrela cadente quando o Sol desaparece? As Estrelas caem como poeira, como sementes deste e de outros mundos e o Sol se dispersará em nossas mentes, na vida de muitos seres, o qual irá renascer com uma nova Luz, ou vento cósmico espalhado no Infinito.
Eu entendo que para isso é necessário incluir a estrutura do Universo. A coisa porém, é que uma dessas Estrelas e um desses Sóis, até mesmo o menor, se preserva.
Jornalista: Mas, Sr. Tesla, você disse que é necessário incluir a constituição do mundo!
Tesla: Quando um homem está constrangido o seu maior objetivo deveria ser correr atrás de uma Estrela cadente, e tentar capturá-la; deverá entender que a sua vida lhe foi dada para perseguir esse objetivo e assim será salvo. Porque as Estrelas acabarão por se deixar apanhar!
Jornalista: E o que acontece então?
Tesla: O Criador vai sorrir e dizer: "Ela só foi cadente enquanto tu não a apanhaste!"
Jornalista: Não é tudo o inverso da dor cósmica, que tantas vezes menciona em seus escritos? E o que é dor cósmica?
Tesla: Não, porque estamos na Terra... É uma doença cuja existência, a grande maioria das pessoas não estão conscientes. Assim como muitas outras doenças, sofrimentos, males, misérias, guerras e tudo o mais que faz a vida humana uma condição absurda e horrível. Esta doença não pode ser completamente curada, mas a consciência deve torná-la menos complicada e perigosa. Sempre que uma das pessoas que me são próximas e queridas ficam feridas, sinto dor física. Isto é porque nossos corpos são feitos de material similar e nossa alma está entrelaçada com laços inquebráveis. A incompreensível tristeza que nos oprime às vezes, significa que em algum lugar, no outro lado do planeta, uma criança ou um homem bondoso morreu.
O Universo inteiro está em determinados períodos, doente de si mesmo e de nós. O desaparecimento de uma Estrela ou o aparecimento de Cometas afetam-nos mais do que podemos imaginar. As relações entre as criaturas na Terra são ainda mais fortes e por causa dos nossos sentimentos e pensamentos, a flor será ainda mais bonita ou então cairá no silêncio.
Por causa dos nossos pensamentos e sentimentos, a flor e seu perfume se tornará mais bela, ou murchará.
A Verdade pode curar e temos de a reaprender.
A cura está no nosso coração e também no coração daquele Animal a que chamamos
Universo.
Estas são as verdades que devemos aprender a fim de sermos curados. O remédio está em nossos corações e uniformemente, no coração do Animal pensante a que chamamos Universo.
Fonte:  Um Novo Despertar.   Adaptação para o português da minha responsabilidade.
Leia também a segunda entrevista de Nicola Tesla em 1915 no original:
http://www.teslauniverse.com/sites/default/files/article_files/19150600-01.pdf
- Veja mais em: 
 http://www.healthnutnews.com
Fonte dos vídeos: 
http://planetawakening.blogspot.pt/2013/03/three-censored-ted-talks-they-do-not.html
Via: http://marecinza.blogspot.com.br/2015/11/tesla-um-enviado-dos-ceus-e-guerra.html
NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO