NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

Siga este Blog

domingo, 13 de setembro de 2015

Efeitos Planeta X foi iniciado! Terror, Medo, Morte, Tsunami, meteoro em 24 de setembro, etc..

Nibiru é real?Nibiru  Leva 3.600 anos  para completar uma viagem orbital? Como você pode imaginar, os efeitos gravitacionais de um planeta de tamanho considerável se movendo perto do sistema solar interno significaria um grande problema para o planeta Terra. Terra vem atuando ultimamente com um aumento de terremotos, vulcões, aquecimento global (oops..I significava "mudança climática"), mistura de estações, e muito mais. Abra sua mente um pouco e parar de acreditar tudo o que nossos chamados cientistas e pessoal da NASA têm a dizer. Toda semana NASA parece ter aprendido algo novo que era impensável.
Primeiro você tem que entender que nós podemos ser parte de um sistema solar binário. NASA acaba de encontrar um sistema solar binário no ano passado. Isso explicaria a oscilação da Terra que ainda não é explicada hoje. Seria muito longe de acreditar que um planeta pode compartilhar ambos os sistemas solares?
Logo após astrônomo alemão (um cientista especializado no estudo da matéria no espaço exterior) William Herschel descobrir Urano em 1781, os cientistas notaram que Urano foi mudando de direção a partir da sua órbita prevista. Isso os levou a supor que havia um outro planeta lá fora, o campo gravitacional do que foi puxando Urano. A próxima planeta, Netuno foi descoberto em 1841 de forma independente pelo Inglês astrônomo John Couch Adams e astrônomo francês Urbain Leverrier. A existência de Netuno, no entanto, não foi capaz de explicar totalmente as perturbações orbitais de Urano. Netuno mostrou movimento de afastamento da sua órbita previsto, bem. A pesquisa do Planeta X continuou.

7.200  anos atrás, durante o catalisma conhecido como "o dilúvio de Noé", "mudanças bruscas de temperatura, tempestades violentas e avalanches de água da Antártica rompeu a partir de sua" prisão de gelo 'Dr. John T. Hollin na Universidade de Maine (EUA) considera que grande peças se periodicamente para fora do campo de gelo da Antártida criando uma enorme maré "(Zecharia Sitchin, The Twelfth Planet).

3.600  anos atrás, durante o êxodo dos judeus do Egito, no meio do segundo milênio antes de Cristo, a Terra sofreu grandes cataclismas. "Um corpo celeste que entrara recentemente nosso sistema solar - um novo cometa - chegou muito perto da Terra causando o eventual desaparecimento da camada de geleira" (Immanuel Velikovsky, "Mundos em Colisão").

De nossa pesquisa, nós pensamos que Nibiru aparecerá em dezembro de 2015 e passar no final de abril de 2016.

Depois da Páscoa de Nibiru / inversão de polos, pensamos vulcânica melancolia poeira vai durar até 40 anos. 3600 anos atrás, Moisés relatou 40 anos, onde vagavam apenas leste dos vulcões na região do Mediterrâneo.

Nibiru 2015 Planeta X Cidades subterrâneas secretas 

Esta 2015 Planeta X vídeo aborda conexões entre os bilhões de dólares que faltam , segredos de programas espaciais, e futuras catástrofes orientados espaço todos relacionados a 2016 Nibiru Flyby Como assim como das ciências, especialistas astronômicos, provas históricas, informações sobre o espaço incrível sendo mantidos de todos nós ! Todo o fundo e atualizações Planeta X Nibiru e inclui a data potencial para ela voltar a passar perto da Terra e o que esperar.
Fonte:http://www.conspiracyclub.co 
Mais um post by:UFOS ONLINE

Veja o Vídeo Abaixo:
                                                   Fonte:Non Human Entities
Via: http://ufosonline.blogspot.com.br/2015/09/efeitos-planeta-x-foi-iniciado-terror.html?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed:+UfosOnline+(Ufos+online)

No aniversário do atentado terrorista islâmico ao World Trade Center, fenômenos e tragédias

Julio Severo
Só não vê quem não quer. Hoje, data de 14 anos do aniversário do atentado terrorista ISLÂMICO ao World Trade Center, um arco-íris apareceu bem em cima do arranha-céu Torre da Liberdade, que está substituindo o World Trade Center. Ao mesmo tempo, um guindaste gigante de propriedade da família de Osama bin Laden, que foi o cérebro por trás do atentado, caiu na Grande Mesquita da Arábia Saudita, matando quase 100 muçulmanos.
Arco-íris em cima do arranha-céu Torre da Liberdade, que está substituindo o World Trade Center
O fenômeno e a tragédia foram meras coincidências?
Só para lembrar: Os terroristas que cometeram o atentado terrorista ao World Trade Center eram sauditas. Mas os EUA, sob Bush, em vez de invadirem a Arábia Saudita, invadiram o Iraque, que era aliado da Rússia e não foi responsável pelo terrorismo dos sauditas.
O arco-íris pode indicar que Deus pode estar agindo em favor dos cristãos americanos que oram. Quanto à Arábia Saudita, só Deus para julgar esse país que fomenta o terrorismo islâmico no mundo inteiro, pois no que depender do governo americano (republicano e democrata), a ditadura saudita anticristã receberá total proteção e acobertamento, inclusive da mídia americana.
A adulação do governo americano ao islamismo desde o atentado terrorista islâmico ao World Trade Center tem sido causa de um aumento sem precedentes de mesquitas nos EUA.
Eu me solidarizo com os cristãos americanos que sofrem com a adulação pró-islamismo de seu governo.
Leitura recomendada:

Se isto aparecer nas suas pálpebras, pode ser o sinal de um ataque cardíaco

Você sabe o que é xantelasma?
É um depósito de gordura amarelado bem demarcado que aparece na pele, geralmente em torno das pálpebras.
Mais precisamente, nas pálpebras superiores e inferiores, perto do canto interno do olho.
O termo xantelasma é derivado do grego "xanthos" = 'amarelo' e "elasma" = 'placa metálica'. 
Se você tem ou conhece alguém com xantelasma, precisa ficar atento.
Ele pode ser um sinal de doenças cardíacas.
E quem revelou isso foi um estudo publicado no British Medical Journal.
A ligação entre xantelasma e doenças cardíacas
Tanto homens como mulheres podem ter xantelasma, especialmente depois dos 40. 
Essas pequenas placas amareladas são o resultado de depósitos de gordura e indicam um nível muito alto de colesterol em quase metade dos pacientes afetados com essa condição.
O crescimento dessas placas é suave e indolor e não afeta a visão.
Na verdade, as pessoas com xantelasma geralmente procuram ajuda médica mais por motivos estéticos, porque ele compromete a aparência. 
Ou seja, a estética é a principal razão pela qual as pessoas decidem removê-lo, sem considerá-lo um aviso de uma doença mais grave.
Evidência científica

Uma pesquisa confirmou a ligação entre xantelasma e doença cardíaca.
O professor Tibjaerg Hansen, que liderou a equipe, chegou a conclusões que vão mudar a maneira como vemos esse problema aparentemente inofensivo e visto como irrelevante tanto por médicos e pacientes.
Homens afetados com xantelasma têm um risco 12% maior de ataque cardíaco. 
E aqueles com idade entre 70-79 anos têm um risco ainda maior.
Mulheres com xantelasma têm um risco 8% maior de ataque cardíaco em oposição àquelas que não são afetadas.
Portanto, pelo estudo, os homens com xantelasma são mais propensos à doença cardíaca do que as mulheres que também têm essa placa nas pálpebras.
Os pesquisadores explicam que o xantelasma ajuda a fazer uma previsão mais precisa de doenças cardíacas.
O estudo concluiu que xantelasma pode indicar um ataque cardíaco, aterosclerose grave e problemas graves do coração, independentemente de outros fatores, tais como obesidade, tabagismo e pressão arterial elevada.
Em resumo, presença de casos de xantelasma indica uma maior probabilidade de doença cardíaca, ataque cardíaco e morte por doenças do coração. 
E as pessoas que têm essas placas amarelas em suas pálpebras são mais susceptíveis de sofrer um ataque cardíaco e, talvez, fiquem neste grupo de risco e de atenção por um período de 10 anos.
Assim, se esses crescimentos amarelos aparecerem em suas pálpebras, é importante você verificar imediatamente os níveis de colesterol.
E passar a se cuidar mais para se livrar rápido da ameaça de uma doença cardíaca fatal.


Fonte: 

Planalto tenta estratégia para enrolar TCU e salvar Dilma Vídeos VEJA com

Os articuladores políticos da presidente ainda pensam numa forma de empurrar com a barriga o processo das pedaladas no Tribunal de Contas da União. O prazo para Dilma se explicar termina hoje. Ela não tem como justificar as lambanças todas, as fraudes, os crimes de responsabilidade. A saída pode ser envolver Michel Temer na história. Entenda com Joice Hasselmann

A CRISE DOS REFUGIADOS SE AGRAVA E OBAMA INTENSIFICA A GUERRA.


Em meio à crise humanitária na Síria, New York Times revela que Pentágono irá “significativamente reforçar” sua súcia de mercenários, em operação encoberta financiada com meio bilhão de dólares.

No exato momento em que se destampou a tragédia dos milhões de refugiados das guerras impostas pelos EUA no Oriente Médio, norte da África e Ásia, e que não é mais possível abafar, como visto nas estradas e praças da Europa (ver página 6) e na comoção causada pela foto do pequeno Aylan afogado numa praia turca, o New York Times teve a desfaçatez de estampar na segunda-feira (7) que o Nobel dos Drones Obama irá “significativamente reforçar” sua intervenção na Síria com mercenários “em maior número”. Ou seja, em vez de alívio para os refugiados e paz para a Síria, vem aí mais terror sob patrocínio de Washington.

Cinicamente, o NYT registrou ainda que o “esforço do Pentágono” para salvar seu programa de treinamento encoberto de US$ 500 milhões – que, esclarece, não deve ser confundido com “programa paralelo” sob controle da CIA – que “chega quando o mundo está fixado na sorte de milhares de refugiados buscando segurança na Europa dos conflitos no Oriente Médio, inclusive muitos fugindo da guerra civil síria e da opressão nas áreas sob controle do Estado Islâmico”.

Aliás, na sexta-feira (4), Obama recebeu na Casa Branca o decrépito monarca saudita, seu cúmplice na matança na Síria e no Iêmen e no patrocínio de terroristas. Sobre a chamada Divisão 30, o NYT acrescentou ainda que a remuneração é de US$ 225 mensal no caso de ‘soldado’ e US$ 350 por ‘oficial’, e relatou o sufoco passado pela primeira leva de ‘formandos’, sob chumbo da Frente Al Nusra não se sabe bem por qual motivo; o “treinamento” continua na Turquia e na Jordânia.
Sem fim ao assalto sem precedentes aos países islâmicos – e ao petróleo – desencadeado pelos EUA sob o pretexto da “Guerra ao Terror” e depois, apoio à “Primavera Árabe”, agora transformada em “Outono Europeu”, não há como deter a fuga em massa de milhões de pessoas dos países destruídos pelos bombardeios norte-americanos e de seus cúmplices, como Inglaterra, França e petromonarquias feudais. A devastação já se estendeu ao Iraque, Afeganistão, Iêmen, Líbia, Síria e Somália, e com reflexos no Sahel africano e sequer o Sudão do Sul escapou.

Países com governos laicos e bom desenvolvimento econômico e social, como o Iraque, a Líbia e a Síria, transformados em escombros e estados falidos. Da população síria de 23 milhões, a metade é considerada pelo órgão da ONU para refugiados (UNHCR) como sendo de deslocados, sendo que 4 milhões estão em campos na Turquia, Jordânia e Líbano. Um terço da população líbia está no exílio. No auge da invasão, o total de refugiados do Iraque chegava a 4,1 milhões, sendo 1,5 milhão internamente. Também há 2 milhões de refugiados do Donbass, consequência de outra operação, essa para derrubar o presidente ucraniano a poucos meses de novas eleições.

Ao que parece, cada novo presidente dos EUA quer deixar uma nova guerra como legado: se Clinton se lambuzou com os 10 mil mortos nos 78 dias de bombardeio para esquartejar a Iugoslávia e com as 500 mil crianças iraquianas mortas no bloqueio (“valeu a pena”, dizia madame Albright); W.Bush se superou com mais de 1 milhão de iraquianos em sua guerra às ‘armas de destruição em massa’ e milhares no Afeganistão, Paquistão e Iêmen; e Obama fez o seu melhor, centenas de milhares na Síria e Líbia, mais uns milhares no Iêmen, Afeganistão e Paquistão nas ‘terças da morte’, e as no Donbass, nada mau para quem começou prometendo a retirada do Iraque e o fechamento de Guantánamo.

Antes da invasão e latrocínio (por petróleo), não havia no Iraque nem Al Qaeda e nem Estado Islâmico. A “constituição” trazida por generais ianques ainda está em vigor e o Baas, banido. Os líderes do país, encarcerados, para não falar de Sadam, enforcado, e Tariq Aziz, morto na prisão. Já a Líbia, de país africano mais rico virou um molambo, com dois “governos”, Kadafi assassinado e onde sequer conseguem extrair petróleo. A Síria foi invadida por mercenários após o governo Assad ter recusado proposta de gasoduto do Qatar, patrocinado pelos EUA, por estar condicionada à violação da soberania síria no território subjacente ao gasoduto.

Genocidas.
Os maiores genocidas do planeta e os feudais mais antidemocráticos do pedaço se juntaram para acusar Assad de “ditador” e despejaram bilhões de dólares, armas, mercenários e fanáticos para derrubar o governo legítimo e instalar um fantoche ao gosto de Washington e das petroleiras. O DIA – a ‘CIA’ do Pentágono – previu o surgimento de um “califado” como subproduto da operação encoberta para derrubar o presidente sírio, mas ainda está sob discussão se foi ou não inesperada a meia volta, volver, até Mossul e subseqüente ascensão do Estado Islâmico. Até aqui resta provar que o Pentágono quer, de verdade, “combater o EI”.
No Afeganistão na década de 1980, o fanatismo, a CIA e os narcotraficantes uniram forças para assassinar os professores, que tentavam alfabetizar camponeses e as meninas que estudavam pela primeira vez graças à revolução, e foi nesse afã que surgiu a Al Qaeda e seus brotos, como o EI, que lançou uma feroz campanha pela tomada da cidade de Kobane, no curdistão sírio, cidade onde o menino Aylan nasceu e de onde foi levado, até o naufrágio no Mediterrâneo. Mais de 2.000 refugiados morreram até aqui este ano na travessia do Mediterrâneo; no ano passado, foram 3.500.
Se não houvesse o pretexto da “Primavera Árabe” ou a “ditadura de Assad”, arrumariam outro. Como o ex-comandante da Otan, Wesley Clark, escreveu em seu livro de 2003, “Vencendo as Guerras Modernas”, em novembro de 2001, no Pentágono, ele foi informado do plano de “invadir o Iraque” e, mais, que isso era parte uma campanha para atacar sete países, sendo alvos “também a Síria, o Líbano, a Líbia, o Irã, a Somália e o Sudão”.
Autor: Antonio Pimenta
Fonte: Pravda.ru

Via: http://noticia-final.blogspot.com.br/2015/09/a-crise-dos-refugiados-se-agrava-e.html

O desespero do governo do PT está em todos os jornais. Lula quer ataque à Polícia Federal e demissão de Cardozo

“O clima é de apreensão no Palácio do Planalto. Os ministros Mercadante e Edinho Silva vinham conversando desde cedo sobre o depoimento de Ricardo Pessoa. A preocupação do governo é que a Operação Lava-Jato ganhou uma dimensão que se perdeu o controle. O Planalto já estava preocupado com a situação das empreiteiras, mas agora o problema político chegou ao próprio quarto andar do Planalto.”

INDONÉSIA - Trombetas - Sons Apocalípticos Vindo do Céu sobre Jacarta em 11 Setembro 2015

Trombetas, som apocalíptico foram ouvidos no céu sobre Jacarta Indonésia em 11 de setembro 2015
O som estranho causou um rebuliço entre os habitantes locais. O fenômeno inexplicável tem sido amplamente discutido na mídia social e canais de televisão locais. Os sons misteriosos têm sido continuamente ouvido em todos os momentos e locais diferentes ao redor do mundo por quase uma década, mas ainda não há explicação exata sobre este fenômeno.
Mais um post by: UFOS ONLINE

Veja os Vídeos Abaixo:
                                              Fonte:JIE DASHBOARD CAM
                                         Fonte:Badai News
Via: http://ufosonline.blogspot.com.br/2015/09/indonesia-trombetas-sons-apocalipticos.html
NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO