SEJA BEM VINDO - NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO
NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

terça-feira, 24 de março de 2015

Quando o PT será extinto?

Documentos entregues à Justiça comprovam parte da roubalheira comandada pelo Partido dos Trabalhadores dentro da Petrobras. É o lamaçal de corrupção que o PT de Dilma e Lula implantou no governo. E a pergunta é: quando vão extinguir o partido símbolo da corrupção?

Vídeo do momento do ataque terrorista a museu na Tunísia

O Museu Bardo vai reabrir ao público no domingo, por razões de segurança. Nas imagens filmadas a partir dos telefones de terror turistas italianos durante os minutos do assalto. Ministro Gentiloni visitar as duas feridas italianos continuam hospitalizados.

Sinais da Guerra Fria 2.0: Até as Falklands estão no radar conjunto de Argentina e Rússia

A ameaça Putin as Falklands  a Grã-Bretanha terá que reforçar as defesas em meio a alegações de que a  Rússia está a armar exército argentino
  • By Ben Glaze

Rumores de que Kremlin Argentina haviam feito um acordo para que  a Rússia abasteça com  bombardeiros de longo alcance uso da força aérea argentina



Grã-Bretanha está definido para impulsionar suas defesas nas Malvinas em meio a alegações de que o presidente russo Vladimir Putin está ajudando Argentina a se  re-armar.

O secretário de Defesa Michael Fallon é devido se reportar aos MPs na terça-feira de  que o Governo está reforçando-se a presença do Reino Unido sobre as ilhas.

Mas os críticos vão questionar o timing do anúncio esperado apenas seis semanas antes da eleição geral e como David Cameron enfrenta uma pressão intensa sobre a negativa de comprometer a gastar dois por cento do rendimento nacional em defesa - um marco fundamental da Otan.

O movimento vem três meses após ser alegado  que o Kremlin e Argentina teriam feito um acordo para  que a Rússia agora abasteça com bombardeiros de longo alcance a força aérea argentina.

O negócio foi dito que envolvem os empréstimos  por Moscow  de 12 Sukhoi Su-24 aviões de ataque supersônico, para qualquer tempo.

Especialistas militares alertaram cinco anos de cortes trabalhistas as forças armadas deixaram as ilhas do Atlântico Sul vulneráveis a um ataque - assim como há 33 anos, quando Junta do general Galtieri lançou uma invasão.

Vladimir Putin


Falklands ameaça o presidente russo Vladimir Putin
Malvinas estão protegidas por apenas quatro caças Typhoon Rapier mísseis terra- menos de 1.200 soldados, apoiados por um navio de guerra naval que visita-na durante todo o ano

apenas seis destróieres da Marinha Real e nenhum porta-aviões toda a frota, os analistas temem que o Reino Unido não será capaz de voltar a tomar território ultramarino Buenos Aires lance um ataque surpresa.

invasão de 1982 provocou a morte militares britânicos e três Falkanders na luta ilhas em disputa, o que os argentinos chamam de Malvinas

porta-voz do Ministério da Defesa confirmou que o Fallon  é devido fazer uma declaração Commons hoje sobre.

disse ontem à noite Como seria de esperar Reino Unido revisa o relatório de defesa para todos os seus territórios ultramarinos em uma base regular.

Esta avaliação parte do nosso processo em curso.

Getty
Falkland Islands
Via: http://undhorizontenews2.blogspot.com.br/2015/03/sinais-da-guerra-fria-20-ate-as.html

Menina chora lágrimas de pedra

Por: Juliana Miranda

Mais um caso estranho e inexplicável chama a atenção do mundo. No Iêmen, uma menina iemenita de apenas 12 anos espantou os médicos e a população do país ao chorar pedras em vez de lágrimas.

Segundo os médicos, a menina produz pequenas pedras sob as pálpebras. Um vídeo postado no Youtube, mostra cenas impressionantes de pequenas pedras sendo retiradas de dentro dos olhos da menina.

Os médicos afirmam que ainda não é possível dar uma explicação para o fenômeno que ronda a vida desta garotinha. A menina Saadiya Saleh foi considerada totalmente saudável pelos médicos e não sofre de qualquer doença que seja conhecida pela medicina.

A notícia de que uma garotinha estaria chorando pedras causou pânico em comunidades rurais do Iêmen. Os moradores da região acreditam que a menina esteja possuída por algum tipo de magia negra.

O noticiário local afirma que “este é um dos casos mais estranhos entre os fenômenos que já aconteceram no país”. Algumas pessoas dizem que a menina pode ter ligação com o diabo, e outros acreditam que o caso possa ter relação com uma epidemia perigosa.

De acordo com o jornal Daily Mail, apesar de já ter feito vários exames, os médicos garantem que Saadiya Saleh é saudável e não encontram uma explicação razoável para o fenômeno. O mesmo jornal diz que, diante da estranheza do caso, os iemenitas já defendem que a criança esteja possuída pelo demônio. Assista o vídeo e tire suas próprias conclusões!


Veja o vídeo:


Fonte: Tvi24
Via: http://www.sitedecuriosidades.com/curiosidade/menina-chora-lagrimas-de-pedra.html

BOMBARDEIRO RUSSO TU-95 INTERCEPTADO POR JATOS JAPONESES

Um bombardeiro russo Tu-95 foi interceptado ao largo da costa do Japão em duas ocasiões separadas em 20 de março, de acordo com o Ministério japonês da Defesa, que divulgou os detalhes do incidente nesta segunda-feira. O bombardeiro, também conhecido como "bear", seu nome em código OTAN, foi flagrado sobre o estreito da Coréia entre Coreia do Sul e Ilha japonesa de Kyushu, antes de ser interceptado por caças F-15J e escoltados para longe do estreito ocupado.
O mesmo bombardeiro seguiu então voando para o norte do Mar da China Oriental a partir do oeste para o norte do Japão antes de atravessar as Ilhas Curilas disputadas no mar de Okhotsk e de volta para o território russo.
Rússia, Coréia do Norte, Coréia do Sul e Japão, todos compartilham o mesmo litoral no Mar do Japão.
Enquanto a cobertura da mídia de atividade do bombardeiro russo tem se concentrado nas regiões do Báltico, o Japão tem visto um grande aumento na atividade da Rússia ao longo do último ano. De acordo com uma reportagem da Reuters, a Força Aérea japonesa interceptou aviões de guerra russos 369 vezes nos últimos três meses de 2014, quatro vezes mais do que há 10 anos. O país também tem recebido um número quase igual de jatos chineses nesse tempo.
No ritmo atual, a quantidade de precipitações pela força aérea japonesa deverá chegar a 944 para o ano em 31 de março, que vai ultrapassar o montante de 30 anos atrás, no auge da Guerra Fria.
"Com apenas três quartos dos dados disponíveis, ainda não podemos dizer se vai ser um ano recorde", disse um porta-voz da Força Aérea de Auto-Defesa do Japão, a repórteres.
Seis aviões de guerra russos também foram interceptado perto de águas territoriais da Letônia no sábado: dois An-26 de transporte de tropas, dois caças Su-27 e dois jatos Su-34 bombardeiros.
Atividade militar russo aumentou significativamente perto do espaço aéreo e águas territoriais da Letônia nas últimas semanas
Na semana passada, os jatos da OTAN, espanhóis e italianos interceptaram aviões russos no espaço aéreo internacional perto da Letônia, enquanto submarinos russos foram vistos na zona econômica exclusiva do país, a apenas 27 milhas a partir do início das águas territoriais da Letônia a 39 quilômetros de sua costa.

Via: http://sempreguerra.blogspot.com.br/2015/03/bombardeiro-russo-tu-95-interceptado.html?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed:+SempreGuerra+(Sempre+Guerra)

AVIÃO COM 150 A BORDO CAI NA FRANÇA; TERRORISMO NÃO FOI DESCARTADO!

O governo da França não descarta nenhuma hipótese, inclusive um ato terrorista, na investigação sobre o acidente do avião da companhia alemã Germanwings, que caiu com 150 pessoas a bordo nos Alpes franceses, informou à Agência EFE um porta-voz do Ministério do Interior.
"Vão ser exploradas todas as pistas, inclusive a terrorista, embora esta última hipótese não seja a prioritária", afirmou Pierre-Henry Brandet.
O funcionário explicou que, segundo os primeiros indícios, o avião fez uma "trajetória anormal" antes de cair.
O comportamento de voo e o desaparecimento do avião do radar pouco antes do choque ativaram o alerta do controle aéreo, acrescentou o porta-voz ministerial.
Brandet não comentou sobre as condições meteorológicas no momento do acidente, que segundo a emissora especializada "Météo" eram ótimas, com tempo seco e um céu totalmente aberto o durante a manhã.
A investigação do acidente, segundo afirmou hoje em comunicado a ministra da Justiça, Christiane Taubira, está sob responsabilidade do Ministério Público de Marselha.
Avião não emitiu alerta antes de queda 
A Direção Geral da Aviação Civil da França (DGAC) confirmou que o avião que caiu nos Alpes franceses não enviou um sinal de alerta antes do acidente, como o organismo tinha anunciado anteriormente.
"Foi o controlador aéreo quem lançou o alerta porque tinha perdido contato com o avião, às 10h30 locais (6h30 de Brasília), disse à Efe um porta-voz da DGAC.
O Ministério do Interior da França não descarta nenhuma hipótese para explicar as causas do acidente com o Airbus A320 operado pela companhia alemã Germanwings. O avião caiu nesta terça-feira nos Alpes franceses com 150 pessoas a bordo.

Via: http://sempreguerra.blogspot.com.br/2015/03/aviao-com-150-bordo-cai-na-franca.html?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed:+SempreGuerra+(Sempre+Guerra)

RÚSSIA: MÍSSEIS DOS EUA NA CORÉIA DO SUL PROVOCARÃO CORRIDA ARMAMENTISTA!

O Ministério das Relações Exteriores da Rússia divulgou uma nota declarando que Moscou está preocupada com a possível instalação de sistemas de Defesa antimíssil (DAM) norte-americanos, ou seja, mísseis interceptores, na Coreia do Sul.
A chancelaria russa também opina na sua nota que tal decisão pode levar à corrida armamentista no nordeste da Ásia.
“Chama atenção o início em Seul da discussão em torno da possível instalação no país de sistemas antimísseis THAAD norte-americanos, o que acontece numa altura em que o comando das Forças Armadas dos EUA na Coreia do Sul investigam possíveis locais para a localização das baterias THAAD em várias províncias do país.”
Segundo a chancelaria russa, a perspectiva de futura ampliação da geografia dos sistemas DAM norte-americanas no mundo, inclusive no território da Coreia do Sul, está se tornando real.
“A possibilidade de tal desenvolvimento da situação não pode deixar de alarmar, tendo em conta o caráter destruidor do impacto global dos sistemas de DAM norte-americanos para a segurança e a estabilidade estratégica internacional.
Nesta região, que é caracterizada por uma situação de segurança muito difícil, pode surgir desta forma mais um "fator de irritação" que pode desencadear uma corrida armamentista no nordeste da Ásia e complicar ainda mais a resolução da questão nuclear na península coreana.
Esperamos que uma análise abrangente sobre as consequências do aparecimento de sistemas de DAM globais na Coreia do Sul permita a Seul considerar cuidadosamente os mísseis e radares norte-americanos não poderão trazer mais desvantagens do que vantagens.”
FONTE: http://br.sputniknews.com/defesa/20150324/537190.html


Via: http://sempreguerra.blogspot.com.br/2015/03/russia-misseis-dos-eua-na-coreia-do-sul.html?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed:+SempreGuerra+(Sempre+Guerra)

TCU multa presidente do BNDES por se negar à divulgar dados de empréstimos bilionários à JBS

Publicado por Revolta Brasil em 24 março
TCU multa presidente do BNDES por se negar à divulgar dados de empréstimos bilionários à JBS
Luciano Coutinho, presidente do BNDES, mesmo com o requerimento do Tribunal de Contas da União, escolheu por não abrir a caixa preta dos bilhões emprestados ao JBS/Friboi, com a negativa o TCU decidiu por multar o cabeça do BNDES em R$ 10 mil.
O TCU não pediu detalhes das movimentações financeiras, apenas valores e resultados, mas Luciano Coutinho ignorou o pedido sob a alegação de “sigilo bancário”.
O pedido foi ratificado pelo TCU e caso seja novamente negado o acesso às informações sobre os empréstimos Coutinho será multado em mais R$ 30 mil.
Mais matérias relacionadas:

ABOMINAÇÃO: Foi lançada a Bíblia Gay “Bíblia Rainha James”. Qual será a próxima Bíblia a ser lançada?

Como foi amplamente divulgado pela imprensa nessa semana, ativistas gays resolveram lançar sua própria Bíblia, onde, principalmente, os versos que condenam a prática homossexual foram “reeditados” para mostrar às pessoas que não existe condenação alguma da parte de Deus à prática homossexual (segundo essa Bíblia). Essa Bíblia foi batizada de “Queen James Bible” – (Bíblia Rainha James). O nome faz alusão à “King James Bible” (Bíblia Rei James), batizada originalmente em referência ao rei James da Inglaterra, que autorizou a primeira tradução para o inglês mais de 400 anos atrás. Como sempre desqualificar algo ou alguém parece ser a forma de afirmarem suas convicções.

Que os ativistas gays travam uma batalha contra aquilo que a Bíblia diz a respeito de suas práticas, todo mundo já sabe. Porém, essa iniciativa deles foi bem ousada agora. Apesar de terem sido ousados, a iniciativa apenas demonstrou claramente que eles fizeram uma manipulação dos textos para encaixar sua filosofia de vida e ficarem com sua consciência tranquila – Se já estivessem tranquilos por que precisariam fazer uma tradução da Bíblia adaptada aos seus interesses? Além disso, demonstrou também que, apesar de eles negarem, e até de certa forma rejeitarem a Bíblia, parece que a Palavra de Deus ainda cumpre o seu papel na vida do ser humano, incomodando o coração e confrontando o pecado, assim como disse o profeta Isaías a respeito da Palavra de Deus: “assim será a palavra que sair da minha boca: não voltará para mim vazia, mas fará o que me apraz e prosperará naquilo para que a designei.” (Isaías 55.11)
Vejo que essa iniciativa dos ativistas gays abre um longo caminho para que qualquer pessoa faça a sua própria tradução da Bíblia, conforme suas convicções. Assim, imagino que nos próximos anos poderemos ter Bíblias no mercado que sejam também reeditadas para que expressem a “verdade” de que Deus não vê com maus olhos o egoísmo, a avareza, a jactância (orgulho), a arrogância, a blasfêmia, a desobediência aos pais, a ingratidão, a irreverência, o desafeiçoado (sem amor), o implacável (cruel), o caluniador, o sem domínio de si, o inimigo do bem, a traição, o atrevido, o enfatuado (orgulhoso), o mais amigo dos prazeres que amigo de Deus, a prostituição, a impureza, a paixão lasciva, o desejo maligno, a ira, a indignação, a maldade, a maledicência, a linguagem obscena do falar, a mentira, a lascívia, a idolatria, a feitiçaria, a inimizade, a porfia (discussão, briga), o ciúme, a ira, a discórdia, a dissensão, a facção (divisão), a inveja, a bebedice, as glutonarias, a insensibilidade, a palavra torpe (palavrão), a amargura, a cólera, a gritaria, a malícia, a rebeldia, a impiedade, a profanação, o parricídio, o matricídio, o homicídio, o rapto de homens, o perjuro (jurar falsamente), a injustiça, o adultério, o maldizer… (2Tm 3. 1-4; Cl 3. 5-9; Gl 5. 19-21; Ef 4. 19-32; 1Tm 1. 9-10; 1Co 6. 9-11)

Todas essas coisas estão descritas nessa nossa tal Bíblia Sagrada, que tem sido odiada por muitos pelo fato de confrontar o homem em seus erros, a fim de que se volte à vontade de Deus. Porém, o homem prefere tapar seus ouvidos e criar a sua própria palavra conforme foi visto na iniciativa dos ativistas gays.


FONTES:
http://colunas.gospelmais.com.br/foi-lancada-a-biblia-gay-biblia-rainha-james-qual-sera-a-proxima-biblia-a-ser-lancada_3792.html 

http://www.esbocandoideias.com/2012/12/biblia-gay-queen-james-bible-qual-sera-a-proxima-biblia-a-ser-lancada.html

Via: http://illuminatielitemaldita.blogspot.com.br/2015/03/abominacao-foi-lancada-biblia-gay.html?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed:+IlluminatiAEliteMaldita+(ILLUMINATI:+A+ELITE+MALDITA)

'Isso é uma piada', diz professor da USP sobre silêncio da Globo no caso HSBC

Em entrevista à Rádio Brasil Atual, Vladimir Safatle afirma que ao guardar nomes de brasileiros com contas em Genebra a grande imprensa transforma o jornalismo "em uma grande brincadeira"
Safatle: “É inaceitável o tipo de silêncio tácito que está ocorrendo, salvo raríssimas exceções muito pontuais"
São Paulo – O HSBC é um exemplo privilegiado de como corporações que estão no limite da criminalidade impõem na economia internacional seus interesses. O professor de filosofia da Universidade de São Paulo (USP) Vladimir Safatle indica a instituição financeira como exemplo de promiscuidade entre mercado financeiro, política e mídia, com raízes no crime, em entrevista à Rádio Brasil Atual hoje (20). “Desde sua criação, o banco tem as piores credenciais possíveis. Essa instituição bancária foi criada em 1860, depois da última guerra do Ópio entre Inglaterra e China, quando os ingleses forçaram a abertura dos portos chineses para que o tráfico da droga continuasse”, relata.
“Os chineses resolveram impedir o comércio de ópio porque a população já estava entrando em um processo de ser dizimada pela droga. Então, o banco foi criado exatamente para financiar o tráfico de drogas, entre outras coisas. E ele cresceu, a partir dos anos 70, comprando bancos dos Estados Unidos e da Europa, muitos dos quais tinham carteiras extremamente problemáticas", diz Safatle. "Foi o caso do banco do finado Edmond Safra, que tinha entre seus clientes traficantes de diamantes e negócios com a máfia russa. O Safra foi assassinado em uma situação, no mínimo, bastante misteriosa. Seu banco iria ser comprado pelo American Express e o negócio foi desfeito por causa de problemas internos."
Esse foi o processo de crescimento do banco, segundo o professor. "Comprou o Bamerindus aqui, um banco que estava com problemas enormes. E não só isso, quer dizer, ele é reincidente, faz anos que o banco tem sido julgado por várias instâncias mundiais, exatamente por esses seus negócios com tráfico, negócios ilícitos. Foi declarado culpado nos Estados Unidos por um caso que envolvia tráfico com colombianos e mexicanos. Só que pagou uma mixaria de um milhão e novecentos mil dólares de multa.”
O que ocorre com o HSBC não é novo, é uma prática comum, para Safatle: “E não é para estigmatizar o banco, mas para esclarecer o que é o sistema financeiro internacional. São corporações que estão acima dos governos. Não só não se quebra como não se regulamenta um banco como o HSBC, porque ele está tão acima dos governos que o seu diretor à época desses chamados Swiss Leaks era pastor anglicano e hoje é ministro do David Cameron, no governo britânico."
O professor ressalta que se percebe uma relação incestuosa entre o sistema financeiro e a classe política. "É o diretor do banco que vira ministro de um gabinete da Inglaterra, que, com certeza, não vai desenvolver políticas que sejam estranhas ou contra os interesses do sistema financeiro que ele representa muito bem. A imprensa começou a questionar o ministro e ele não dá resposta alguma, porque ele sabe que está numa situação de ser completamente intocado, não há nada que possa acontecer com essas pessoas", lamenta.
Para o filósofo, todo mundo fica completamente exacerbado por problemas como tráfico de drogas, de armas, guerras. "Se não existissem esses bancos, que têm como uma suas finalidades lavar esse dinheiro, com certeza o problema não seria dessa magnitude em hipótese alguma. Só há crime nessa magnitude porque há um sistema financeiro que é completamente conivente, cresceu dentro desse meio.”
Ele destaca que não é só a tráfico de drogas que o HSBC está ligado, mas que há também fraudes de evasão fiscal, no momento em que a economia mundial e os estados estão em crise, tentando segurar o que restou de bem-estar social. “Os países da União Europeia socorreram bancos falidos. Então, quando os bancos cometem crimes, o que se espera é que os responsáveis sejam punidos, presos, mas não é isso o que ocorre”, observa.
Safatle lamenta que a imprensa brasileira não noticie os fatos, ao contrário da europeia. “É inaceitável o tipo de silêncio tácito que está ocorrendo, salvo raríssimas exceções muito pontuais. Na imprensa francesa ou britânica, mesmo nos Estados Unidos, foi dito que vão utilizar esses dados para tentar reaver o dinheiro." Nesses casos, a imprensa apresentou os nomes: "O Le Monde, que mobilizou um pouco tudo isso, chegou a brigar com seus acionistas porque um deles fez uma declaração dizendo que achava um absurdo que o jornal expusesse esses nomes. Ou seja, a imprensa fez o seu papel. No caso brasileiro é inacreditável".
O Brasil é, a princípio, o nono país em número de contas nessa filial genebrina do HSBC. São 8.667 contas, das quais 55% são contas de nacionais, ou seja, são mais de 4 mil pessoas. "A pergunta que eu gostaria de fazer é quem são essas pessoas. O sujeito não abre uma conta em um banco suíço com esse histórico à toa. Quem são as pessoas que fizeram evasão fiscal, fraude fiscal e coisas dessa natureza?”, questiona.
Alguns nomes de brasileiros que possuem contas no HSBC com depósitos sem origem comprovada na agência em Genebra foram conhecidos por intermédio de sites angolanos. “Aí apareceu o nome do rei do ônibus do Rio de Janeiro, o nome da família Steinbruch, que é do grupo Vicunha. Essas pessoas cometeram crimes, quais foram os crimes? É muito estranho que não só a imprensa, mas, ao que parece, a própria Receita Federal adiou a análise de coisas desse tipo."
Para Safatle, isso demonstra um dado muito evidente: "A elite rentista brasileira é completamente blindada, sabe que é e tem uma relação incestuosa entre poder político e estrutura de comunicação, que faz com que em última instância seja um grupo só, de uma forma ou de outra, que sabe que pode fazer o que quiser, porque sabe que não existe nenhuma possibilidade de a Justiça pegar, a não ser existam embates internos, em brigas internas, aí sim vão pegar um ou outro".
O professor da USP se pergunta como ampliar essa discussão oculta na imprensa tradicional. “Os nomes que vazam dessa lista de brasileiros com contas no HSBC em Genebra são de envolvidos na Operação Lava Jato, da Polícia Federal. Quer dizer, os nomes são divulgados dependendo do interesse do meio de comunicação. Só são esses os nomes dos 4 mil correntistas, só são esses dez ou 15 que tiveram problemas? Isso é uma brincadeira.”
A extrema gravidade da história exige que se faça algo. “Se tem algo que destrói a moralidade é a parcialidade, é você começar a perceber que há um uso estratégico do discurso sobre a moralidade, porque é um uso que serve simplesmente para você voltar suas atividades contra seus inimigos. Nesse momento, a moralidade perde completamente seu valor. Eu diria que na política brasileira isso acontece a torto e a direito, é um traço característico da política brasileira."
Safatle lembra: "A moralidade exige a simetria completa dos julgamentos. É julgar todos da mesma forma, independente do que vá acontecer. Isso falta dentro da política brasileira. É por isso que não se consegue fazer com que essas indignações se transformem em saltos qualitativos da política. E aí vira simplesmente um jogo em que se tenta colocar um ou outro contra a parede.”
Safatle identifica que há um processo de desgaste constante do governo pela mídia e, por isso, os nomes envolvidos em negócios ilícitos no HSBC são seletivos. “Se a gente quisesse mesmo fazer uma limpeza geral no que diz respeito ao caso Petrobras, por exemplo, todos denunciantes falaram: 'Olha, desde 1997 eu recebo propina'. Ou seja, tem um dado estrutural, não existe um caso de governo ou de partido, é um caso de estrutura, em que vai todo mundo. E nessa situação o mínimo que se espera é que se mostre claramente a extensão do processo e a necessidade geral de punição. Mas isso nunca ocorre, isso desgasta toda a força da indignação moral”, lamenta. “Todo mundo que conhece um pouco da sociedade brasileira sabe que lá você vai encontrar alguns dos nossos empresários mais conhecidos, alguns dos políticos mais conhecidos.”
Quanto ao silêncio que a Rede Globo dedica ao caso do HSBC, Safatle comenta: "Isso é uma piada, é completamente inacreditável. Eu gostaria que eles explicassem muito claramente qual é a noção deles de notícia, porque é surreal. Você pode pegar as páginas do The Guardian, jornal britânico, ou do francês Le Monde, e a televisão de maior audiência não dá nada? O que é isso? Eles transformam o jornalismo em uma grande brincadeira".
Para a secretária-geral do Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região, Ivone Maria da Silva, é uma "vergonha" que esse caso só apareça em alguns sites e blogs e seja ignorado pelos grandes meios de comunicação, que não têm interesse em divulgar os nomes de brasileiros que estão nessa lista com depósitos sem origem comprovada no HSBC em Genebra. “Um dos clientes que já apareceu na lista foi o Clarín, da Argentina. Não vamos ficar surpresos se os meios de comunicação aqui do Brasil também aparecerem na lista, ou se os donos desses meios estiverem guardando dinheiro lá fora para não pagar impostos. Talvez por isso essa lista não seja divulgada. Começaram a soltar os nomes seletivamente, e por isso surgem os nomes relacionados com a Lava Jato. Mas tinha que soltar o nome de todo mundo”, diz.
Confira a íntegra da matéria:
FONTE:
http://www.redebrasilatual.com.br/politica/2015/02/isso-e-uma-piada-diz-professor-da-usp-sobre-silencio-da-globo-quanto-ao-caso-hsbc-6698.html

Via: http://illuminatielitemaldita.blogspot.com.br/2015/03/isso-e-uma-piada-diz-professor-da-usp.html?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed:+IlluminatiAEliteMaldita+(ILLUMINATI:+A+ELITE+MALDITA)

ALIADOS DE DILMA JÁ FALAM EM PARLAMENTARISMO - REGIME DITATORIAL CUBANO À VISTA....

GOVERNISTAS HOSTIS A DILMA TENTAM ARTICULAR O PARLAMENTARISMO
BASE GOVERNISTA JÁ PENSA EM COLOCAR PROJETO NA PAUTA DE VOTAÇÕES
Com a popularidade em queda livre, Dilma precisará enfrentar os próprios deputados governistas, que afirmam não suportar a ideia de vê-la no comando pelos próximos anos, e já falam em desencavar projetos para mudar o Presidencialismo para sistema Parlamentarista. A ideia é recuperar qualquer das propostas de emenda à Constituição (PEC) em tramitação na Câmara e colocá-la na pauta de votações.
Enquanto governistas sonham com o parlamentarismo, a oposição continua construindo a fundamentação do projeto de impeachment.
A proposta de parlamentarismo tem sido discutida em reuniões do chamado “blocão”, em locais fora do alcance do governo.
Deputados do “blocão”, formado basicamente por governistas, querem fazer de Dilma uma “rainha da Inglaterra”, meramente decorativa.
Para aprovação de uma PEC são necessários 308 votos de deputados. Somando-se à oposição, o blocão calcula que teria número de sobra. Leia mais na Coluna Cláudio Humberto.
FONTE:
http://www.diariodopoder.com.br/noticia.php?i=28873782162

Via: http://illuminatielitemaldita.blogspot.com.br/2015/03/aliados-de-dilma-ja-falam-em.html?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed:+IlluminatiAEliteMaldita+(ILLUMINATI:+A+ELITE+MALDITA)

Enquanto Brasil sofre segundo aumento na conta de energia, Dilma inaugura parque eólico no Uruguai

Imagem: Reprodução / Revolta Brasil
A presidenta Dilma Rousseff participou, no início de março, da inauguração do Parque Eólico Artilleros, em Colônia, a cerca de 170 quilômetros a leste de Montevidéu (URU). Em discurso, Dilma declarou que a obra de Artilleros mostra que é possível realizar a integração entre os países da América Latina com vantagens para todos os envolvidos.
“Este parque eólico transforma tanto as condições para o Brasil, quanto para Uruguai. quando tiver sobrando energia aqui, nos iremos comprá-la. Quando ocorrer o oposto, vamos transferir para cá. Com isso, os dois países saem ganhando.”
“Essa obra tem um significado político e ele mostra que é possível, sim, a integração”, afirmou citando o atual momento brasileiro de dificuldade na geração de energia hídrica.
Orçado em aproximadamente US$ 103 milhões, Artilleros foi construído pelos dois países por meio de parceria entre a Eletrobras e UTE/Uruguai, e tem capacidade para gerar cerca de 65 megawatts de energia. Parte dos investimentos foi financiado pelo Banco de Desenvolvimento da América Latina.
O parque faz parte da estratégia de internacionalização da Eletrobras, que busca melhorar a competitividade e a geração de valor para a empresa.
Itaipu eólica
De acordo com José da Costa Carvalho Neto, presidente da Eletrobras, em entrevista à TV NBR, a parceria entre Brasil e Uruguai tem potencial para atingir em uma próxima etapa 300 MW. Ele revela ainda que está sendo verificado o potencial de se chegar à capacidade de geração de 2.000 MW.
“Temos obtido um know how muito forte também na geração eólica e estamos levando para o Uruguai, mas estamos aprendendo lá também. Podemos chegar em uma primeira etapa em 300 MW, mas já estamos vendo um potencial que pode chegar a 2.000 MW ou até mais. Podemos ter entre o Brasil e o Uruguai uma Itaipu eólica.”
Além da energia eólica, está em execução também um empreendimento de interligação elétrica que irá conectar os sistemas brasileiro e uruguaio nas localidades de San Carlos, próximo ao balneário de Punta Del Leste, e Candiota, no sul do estado do Rio Grande do Sul. A capacidade de transferência de potência, nos dois sentidos, é de 500 MW. A cooperação entre os ministérios das áreas de energia do Brasil e Uruguai existe desde 2006 e tem o objetivo de fortalecer a integração energética entre os dois países. Este projeto deve ser concluído até abril deste ano.
Veja também: 

FONTE:
http://www.folhapolitica.org/2015/03/enquanto-brasil-sofre-segundo-aumento.html 

Via: http://illuminatielitemaldita.blogspot.com.br/2015/03/enquanto-brasil-sofre-segundo-aumento.html?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed:+IlluminatiAEliteMaldita+(ILLUMINATI:+A+ELITE+MALDITA)

ELEIÇÕES 2014 NO BRASIL: FRAUDE FOI COMPROVADA EM WASHINGTON-EUA

O programa A Tarde Fim de Semana da rede de televisão colombiana NTN24, apresentou matéria exclusiva SOBRE A ALTERAÇÃO DE RESULTADOS ELEITORAIS NO BRASIL, VENEZUELA E DEMAIS DITADURAS COMUNISTAS. Desde Washington com Anthony Daquin, ex-Assessor de alta segurança do governo de Hugo Chávez, especialista na área de tecnologia e defesa e convidado especial do "Conclave de Washington pela Democracia, que aconteceu, dia 21 de março de 2015, no National Press Clube, o famoso Clube Nacional de Imprensa da capital norte-americana. Anthony Daquin explicou as conclusões deste evento em que as formas foram anunciadas como teria alterado os resultados das eleições em países como Brasil e Venezuela, por meio da manipulação do sistema de votação eletrônica. Com essas provas cientifica, podera se iniciar uma batalha judicial que permita confirmar diante aos tribunais, que houve fraudes eleitorais no Brasil, nas ultimas eleiçoes.
FRAUDE URNAS ELETROÔNICAS DA COMPANIA VENEZUELANA SMARTMATIC CONCLAVE DE WASHINGTON, COMPROVANDO A FRAUDE NA ELEIÇÃO PARA PRESIDENTE DO BRASIL EM 2014 E PASSADAS ELEIÇOES.

VEJA O VÍDEO NO ENDEREÇO ABAIXO
https://www.youtube.com/watch?v=cRbzK907HTI

Estados UNIDOS lançaram um MÍSSIL para “dar uma mensagem ao mundo”.

Os Estados UNIDOS da América lançaram um MÍSSIL pra “dar uma mensagem ao mundo”.
Um míssil balístico intercontinental foi lançado segunda-feira de uma instalação na Califórnia, anunciou a Força Aérea dos EUA EUA, alegando que os testes eram uma mensagem para o mundo mostrando as capacidades nucleares de Washington.
O míssil Minuteman III é capaz de transportar ogivas nucleares, no entanto, foi equipado com um um material de teste em vez de uma ogiva termonuclear. Ele foi lançado da Base da Força Aérea de Vandenberg, na Califórnia, as 3:36 hora de Washington, sob a orientação da Força Aérea dos EUA.
“Com estes lançamentos, verificamos não só os nossos processos do sistema de armas, mas também damos ao mundo uma demonstração de que o somom capazes de atingir quase qualquer lugar com extrema precisão “, disse o tenente-coronel Moore Tytonia.
O míssil, lançado de um silo, pode ser equipado com ogivas termonucleares W87.
A força aérea americana disponibilizou as imagens do lançamento.
Revista Sociedade Militar

Siga este Blog

Postagem em destaque

Agora é real, NIBIRU está chegando, e já é visto a olho nu.

Olá amigos, desculpem a ausência. Estou muito mais ativo no meu mural Facebook, e também no nosso grupo do Facebook também, mas vamos lá...

NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

POSTAGENS MAIS VISITADAS

Disso Você Sabia ? no Facebook