Agora são: horas e minutos - Agradeço sua presença e volte sempre

Caças israelenses bombardeiam o exército sírio

(29-11-2015) Os caças militares do regime israelense bombardearam várias posições do Exército sírio na região de Al-Qalamun, entre Síria e o Líbano, informou neste domingo o jornal israelense Jerusalem Post.
Nesse ataque, como informam fontes sírias citadas pelo site israelense, ao menos 13 soldados do Exército sírio morreram e dezenas resultaram feridos, quatro deles se encontram graves.
Ditos ataques poderiam estar destinados a debilitar ao Exército sírio, já que há evidências sobre cooperações entre o regime israelense e grupos terroristas como o Frente Al-Nusra (filial da Al-Qaeda na Síria) que lutam para derrocar o Governo do presidente sírio, Bashar al-Asad.
Fonte: hispantv.com
Artigos relacionados
Rabino israelense: ISIS é um aliado de Israel
Terrorista do “Estado Islâmico” reconhece apoio de Israel a este grupo
Assessor de Putin: “O Mossad treina os terroristas do ISIS”
Israel coopera com o ISIS no tráfico de órgãos humanos
Iraque captura a 4 assessores do ISIS com passaportes dos EUA e Israel
Legislador iraquiano: Tel Aviv quer comprar terras do Iraque e criar um “Grande Israel”
Professor israelense é preso com bandeira e material do ISIS
Dezenas de bandeiras do ISIS encontradas em Israel

 https://caminhoalternativo.wordpress.com/2015/11/29/cacas-israelenses-bombardeiam-o-exercito-sirio/

Postagens mais visitadas deste blog

Porquê tomar o Cloreto de Magnésio P.A.?

Homem constrói rádio chamado ''espírito de Tesla'' adivinha o que acontece quando ele é ligado? Assustador...

ÍNDIA - Cientistas Criam Cruza de Humano com Gorila, Nascendo Bebê Híbrido!!

Você já percebeu seu olho pulsando? Saiba o motivo disso acontecer

Cérebro Quântico: Somos computadores quânticos biológicos?

O que se esconde em nossas impressões digitais

Caminhoneiros param o Brasil e prometem manter a greve até que Dilma renuncie

As Digitais dos deuses – A Cidade dos deuses

Especialistas explicam como identificar a depressão e previnir suicídios entre os adolescentes