NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

quarta-feira, 7 de outubro de 2015

Hezbollah alerta de ameaça terrorista saudita na América Latina

(07-10-2015) O secretário general do Hezbollah, Seyed Hasan Nasrolá, alertou do perigo do “wahabismo” e o terrorismo saudita que busca extender-se inclusive em países latinoamericanos.
“O perigo e a ameaça para nossa região, é o wahabismo que se esforça em extender sua influência no mundo inteiro, inclusive no Chile”, alertou o líder do Movimento de Resistência Islâmica do Líbano (Hezbollah), citado nesta quarta-feira pelo jornal libanês Al-Akhbar.
Além disto, arremeteu com dureza contra as políticas de Riad, o qual acusou de estar tratando de golpear “o eixo da Resistência” e ao bloco de países que o apoia; ou seja “Irã, Rússia e Venezuela”, entre outros.
Para Nasrolá, Al Saud é responsável por qualquer derramamento de sangue no Oriente Médio. “O papel que desempenhou o Estado saudita desde seu establecimento (em 1932) foi o de velar pelos interesses dos EUA e Israel na região”, remarcou.
O máximo responsável da Resistência libanesa reafirmou que “a luta contra o inimigo sionista é uma realidade”, pelo que chamou a “estar consciente e sempre preparado”.
Al-Qaeda, Estado Islâmico e o Frente Al-Nusra (ramificação síria da Al-Qaeda) estão à serviço dos sionistas, cujos interesses se fortalecem com a derrocada do sistema (político) na Síria”, acrescentou.
Se referiu de igual modo aos recentes incidentes e as elevadas tensões vividas nos territórios ocupados palestinos, augurando que “Cisjordânia está na véspera do início de uma terceira Intifada (levantamento)”.
Em alusão à tragédia testemunhada recentemente na peregrinação religiosa de Hach em Mina, as aforas da cidade saudita da Meca, assinalou às autoridades sauditas como o principal autor do massacre dos fiéis.
“Se não fosse pelos gritos de crítica lançados desde o Irã, os sauditas encobririam o ocorrido em Mina, enterrariam as vítimas e prenderiam a quem eles quisessem”, destacou.
Na semana passada, o vice-ministro de Saúde da Arábia Saudita, Hamad bin Mohamad al-Zeweile, confirmou que a cifra de peregrinos mortos na estampida registrada no passado 24 de seteembro tinha se elevado a 4173, se bem, a misma entidade desmentiu poucas horas depois sua própria notícia, sendo flagrado em contradição.
Fontehispantv.com
Comentário do blog
Alertei de que o sionismo internacional iria infiltrar seus terroristas entre os refugiados sírios no Brasil e que seriam enviados à Tríplice Fronteira. O objetivo é começar atividades terroristas na região para ter um pretexto de intervir e assim usurpar o Aquífero Guaraní.
O artigo abaixo explica em detalhes esta operação sionista israelense de usurpação dos recursos minerais e energéticos dos países sulamericanos através de seus mercenários e terroristas takfiri(wahabismo saudita).
Artigo relacionado

NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

Disso Você Sabia ? no Facebook