NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

quinta-feira, 29 de outubro de 2015

EUA TEMEM QUE ATAQUE RUSSO CORTE A INTERNET DO PAÍS!

Militares e analistas da inteligência dos Estados Unidos estão preocupados com a proximidade de navios e submarinos russos de cabos submarinos de dados que carregam informações sobre negócios globais que valem mais de US$ 10 trilhões por dia, além de mais de 95% das comunicações diárias. O país teme que a Rússia ataque essas linhas, especialmente as de difícil localização, caso haja algum conflito. A aproximação agressiva e o consequente ataque poderiam interromper instantaneamente a internet americana.
De acordo com o jornal New York Times, apesar de não existir qualquer indício de danos aos cabos, o Pentágono está atento à situação. O porta-voz da marinha, William Marks, afirmou ao jornal que a preocupação é justificável ao saber que qualquer país mexeu em cabos de comunicação, mas que não está autorizado a comentar assuntos mais específicos sobre o tema.
Apesar da proibição, alguns comandantes e oficiais afirmaram que estão monitorando o crescimento da atividade russa e as rotas dos cabos, que carregam quase tudo sobre a comunicação eletrônica e o cormércio global. Esse monitoramento é feito desde o Mar do Norte até o nordeste da Ásia, passando inclusive por águas próximas das margens da América.
No último mês eles teriam observado, via satélites, navios e aviões espiões, além de um navio espião russo, batizado de Yantar, cruzar lentamente a Costa Leste dos Estados Unidos em caminho para Cuba, onde se encontra um dos maiores cabos, perto da estação naval americana na Baía de Guantánamo.
A maioria dos cabos se encontram a poucas milhas das margens e podem ter seus cortes reparados em questão de dias, mas o Pentágono se preocupa que os russos podem estar procurando pelos cabos especiais, que tem localizações secretas, não disponíveis nos mapas e localizados em grandes profundezas, o que faria com que fossem bem mais difíceis de monitorar, encontrar e reparar.
A Rússia também estaria construindo um drone não tripulado capaz de carregar uma pequena e estratégica quantidade de armas nuclerades para usar contra portos e áreas da costa.
FONTE: http://olhardigital.uol.com.br/noticia/eua-se-preocupam-com-proximidade-de-navios-russos-de-cabos-de-informacao/52494
Via: http://sempreguerra.blogspot.com.br/2015/10/eua-temem-que-ataque-russo-corte.html?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed:+SempreGuerra+(Sempre+Guerra)
NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

Disso Você Sabia ? no Facebook