NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

Siga este Blog

quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Preparativos para um atentado nuclear de falsa bandeira nos EUA


(21-08-2015) A Oficina de Detecção Nuclear Nacional (DNDO) dos EUA realizou um exercício de treinamento em terra e no mar perante um possível atentado com armas nucleares.
As manobras, chamadas Prominent Hunt 15-2, foram realizadas por um grupo de forenses nucleares, e têm o objetivo de treinar os técnicos para que recolham provas forenses vitais no período imediatamente posterior a uma detonação nuclear, para ajudar a identificar os responsáveis do atentado.
O grupo de trabalho está integrado por membros do Departamento de Defesa (DoD), o Departamento de Energia (DOE), e a Oficina Federal de Investigações (FBI) e recolhe amostras de escombros perto do local da detonação para a análise em laboratórios designados.


O exercício ocorreu na Califórnia a princípios de agosto e pela primeira vez, o grupo de trabalho teve que coordenar a coleta de provas forenses no mar.
Estas análises, combinadas com dados das agências de inteligência, permitem identificar a fonte do dispositivo e as pessoas ou grupos responsáveis de seu uso em atos de terrorismo nuclear.


Poucos dias depois, mais de 600 soldados procedentes de diversas bases militares dos EUA, começaram na sexta-feira 21 de agosto, alguns treinamentos de cinco dias de duração, preparando-se para implementar medidas de emergência perante um possível ataque químico, biológico ou um atentado nuclear, realizado dentro dos EUA e especificamente no sul da Flórida.
Artigos relacionados
Comentário do blog
Muito previsível, é praticamente um ataque de falsa bandeira “telegrafado”. Aqui está um possível roteiro para implementar o próximo ataque terrorista de falsa bandeira nos EUA:
  • O sionismo internacional destruirá o acordo nuclear entre o G5+1 e o Irã;
  • Mossad israelense, com o suporte do Mi6 inglês e CIA, detonarão uma bomba nuclear nos EUA;
  • As “provas” do ataque apontarão para uma “bomba suja” fabricada e implantada pelo Irã com a ajuda do ISIS;
  • Será divulgado que o motivo do ataque foi uma “vingança do Irã pela quebra do acordo”, e finalmente;
  • Os EUA ataca o Irã conforme desejado pela banca Rothschild e planejado pelos extremistas em Israel.
Lema do Mossad israelense: “Através do engano, você deve fazer a guerra“.


NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO