Seja Bem Vindo
NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

Siga este Blog

quarta-feira, 18 de março de 2015

O Dia que um Tsunami atingiu o Brasil

Algumas pessoas talvez não saibam, mas a costa do Brasil já sofreu a ação de pelo menos um tsunami. O fato ocorreu na vila de São Vicente (atualmente localizada na área metropolitana de Santos) pelos idos de 1541 deixando submersa a Igreja da Matriz e o pelourinho (também conhecido com “picota”, uma coluna de pedra que se erguia na praça central das vilas, onde eram afixadas as leis e as penas como açoite e mutilação eram exercidas pela jurisdição portuguesa). Pois bem, a onda chegou até a praça central onde estava a Igreja e o pelourinho, submergindo a Igreja, o que dá uma idéia do tamanho da massa de água.    
Segundo o frei Gaspar da Madre de Deus , autor em 1797 da obra “Memórias para a história da capitania de São Vicente” descreveu sobre a vila de São Vicente que a duração de suas casas foi muito breve, pois tudo levou o mar. Frei Gaspar ao estudar as atas da Câmara de São Vicente  informa em seu livro que no primeiro de janeiro de 1542 a câmara reuniu-se em uma outra Igreja, mais distante da costa, pois o mar tinha levado as casas do conselho português no Brasil.
Em 1543 o governo português providenciou o resgate do que foi possível, entre os objetos o pelourinho e os sinos da matriz (enormes peças de bronze) levadas pelas águas e que tiveram de ser resgatadas no fundo do mar. Nessa mesma época a vila foi reconstruída, dessa vez distante da costa.
Em 1542 em virtude das mortes e da fuga de muitos dos sobreviventes, a vila de São Vicente ficou tão desprotegida que foi alvo de ataques de tribos indígenas, o que fez a câmara chamar moradores de outra colônia (o campo de Piratininga) pra defender a região despovoada.
Segundo o oceanógrafo André Luiz de Belém, professor da Unimonte, um pequeno tremor na costa poderia causar a tsunami, pois o deslocamento de sedimentos no leito marítimo faria o mar recuar e gerar um tsunami. Um evento parecido ocorreu em 17 de julho de 1998 , quando um pequeno tremor na costa de Papua Nova Guiné gerou um tsunami de 10 metros que adentrou poucos quilômetros adentro da costa, mas foi suficiente pra matar 3 mil pessoas. Na época os pesquisadores ficaram intrigados como um tremor tão pequeno poderia ter gerado um tsunami tão potente. Em 2002 os estudiosos concluíram que o tremor ocorreu muito longe de onde se formou a onda, na verdade o tremor causou um movimento no fundo do oceano fazendo com que uma grande camada de terra no fundo do mar, próximo a costa, deslizasse e assim gerasse o paredão de água.
Dependendo da força, um tsunami pode adentrar de 10 a 40 kilometros pra dentro da costa (caso seja gerado por um tremor de terra no oceano, ou seja, um maremoto) e segundo alguns estudos recentes de cientistas americanos, poderia entrar de 100 a 200 kilometros adentro da costa caso um asteróide de grandes dimensões (acima de 300 metros) caísse no mar próximo a costa. As ondas variam de tamanho também, podem ser de 10 a 40 metros de altura. No último tsunami, o do Japão, as ondas não chegaram a mais de 10 metros, mas adentraram 40 kilometros adentro do país.
Alguns estudos sobre esses eventos mostram que o tsunami normalmente dá um sinal: antes da chegada da parede de água, o mar recua entorno de 800 metros na praia e leva entorno de 10 minutos para o tsunami chegar na praia. Os maremotos (terremotos no fundo do oceano) que geram tsunami são os mais difíceis de prever, pois dependendo da distância que ocorreu em relação à costa, a formação do tsunami é muito rápido (a onda viaja no mar a 800 kilometros por hora), impedindo a verificação da formação ou não de tsunami, antes que o tsunami atinja a costa, foi exatamente isso que ocorreu no tsunami recente do Japão.
Um dos eventos que poderá ser previsto com antecedência caso ocorra é um tsunami provocado pelo deslizamento do Cumbre Vieja nas ilhas Canárias, pois caso isso ocorra uma onda de choque levaria de 6 a 8 horas para chegar a costa brasileira. De qualquer forma, quem mora em regiões costeiras precisa ter um plano de salvamento em mente, pois os poucos minutos que separam o recuo do mar a chegada de uma onda podem ser decisivos no salvamento de muitas vidas.
Nesse sábado, dia primeiro de setembro aqui no blog, a interpretação completa do mapa astrológico de Jesus  
Fanpage Profecias o Ápice em 2036 no Facebook: http://www.facebook.com/josemaria.alencastro2036
profeciasoapiceem2036.blogspot.com/
Via: http://libertesuamente13.blogspot.com.br/2015/03/o-dia-que-um-tsunami-atingiu-o-brasil.html
NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

POSTAGENS MAIS VISITADAS

Disso Você Sabia ? no Facebook