NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Hashtag #RipDilma cresce absurdamente na madrugada de 19 de fevereiro e chama a atenção.



http://sociedademilitar.com.br/wp/





Hashtag #RipDilma cresce absurdamente na madrugada de 19 de fevereiro e chama a atenção.
Rest in Peace. Descanse em paz. Isso não quer dizer que Dilma morreu. Quer dizer que para um número enorme de brasileiros que usam as redes sociais seria melhor que a atual presidente abandonasse o cargo que ocupa, seja pedindo pra sair ou por meio de um IMPEACHMENT.
Mesmo em mensagens que não tem cunho político a tag, que tem a propriedade de transmitir uma ideia, e nesse caso especial um posicionamento político, tem sido colocada. Assim cada um montra sua opinião, sua vontade ante a situação vivida pelo país. Mesmo que esteja falando sobre outros assuntos.
O hashtag é uma palavra-chave precedida pelo símbolo #, que as pessoas incluem em suas mensagens. As hashtags aparecem como links clicáveis quando usadas em mensagens, bastando clicar sobre elas para ver todos os resultados relevantes relacionados ao assunto.
Análise de redes sociais na madrugada de quarta para quinta mostraram que muito mais do que simples repetição de palavras o uso dessa hashtag evidencia o crescimento de um movimento de resistência que deve transpassar o virtual.
O uso do #RipDilma cresceu absurdamente no primeiro dia após o feriado de carnaval e, nesses tempos em que a internet define interações e mobilizações em mundo real, tem muita possibilidade de influenciar na situação política atual. Para se ter uma ideia da força política de hashtags basta olhar o passado recente. No Egito, quando as redes sociais foram bloqueadas por conta da influencia que possuiam na mobilização, o twitter criou um serviço de acesso via telefone, que possibilitava que as mensagens fossem trocadas por voz aparecessem em texto no twitter.
Veja os gráficos. #RipDilma aparece em primeiro no trends twitter durante boa parte da madrugada de 19/02. O mapa mostra que a tag está sendo usada até nos EUA. A tendência é que nessa quinta feira o número de menções pelo menos dobre. A tag também tende a ser usada em postagens do facebook e instagram.
ripripripdilma0

Na manhã de 19/02 a tag continuava no topo do trends. Na verificação por estado da federação, curiosamente, enquanto São Paulo e Rio mantinham a discussão sobre Dilma, a maior parte dos usuários de Brasília falava das escolas de samba do Rio de janeiro e replicava termos como Portela e Beija Flor.#RipDilma
Revista Sociedade Militar — http://sociedademilitar.com.br
 http://sociedademilitar.com.br/wp/2015/02/hashtag-ripdilma-cresce-absurdamente-na-madrugada-de-19-de-fevereiro-e-chama-a-atencao.html
NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

Disso Você Sabia ? no Facebook