Translate

Trabalhamos para divulgar notícias SOBRE: POLITICA, CURIOSIDADES, SAÚDE, ASTRONOMIA, UFOLOGIA, GUERRA, MISTÉRIOS E MUITO MAIS.Precisamos de sua ajuda, clique nas propagandas expostas no Blog, para manter nosso site no ar.

domingo, 3 de agosto de 2014

Especialistas Apelam aos Governantes " Uma Super Tempestade Solar é Inevitável, Tomar Contra Medidas "

Hoje aguardamos novas quedas de energia, problemas nos satélites GPS e os inconvenientes de telecomunicações! Em uma nova chegada tempestade solar. Um grupo de pesquisadores, a Força-Tarefa Internacional Solar Max, apelou aos governos para intervir com urgência!
Embora seja impossível determinar quando, mais cedo ou mais tarde, uma super tempestade solar vai bater-nos e será capaz de trazer a rede elétrica, causando apagões extensas, e para tocar os satélites de GPS e os de telecomunicações. Disso eu estou convencido, pesquisadores da Força-Tarefa SolarMax Internacional, que a revista Physics World lançaram um apelo aos governos, porque eles colocaram no lugar contra medidas saber agora.
Outros grupos de pesquisadores estão se unindo com o objetivo de manter a atenção sobre o problema através da sensibilização dos governos. Destes grupos, também existem na Europa e tem como objectivo manter vigilante para evitar ser apanhado desprevenido pela  super tempestade solar. 
Mesmo na Itália, está a desenvolver um grupo chamado SWIC (Space Weather Comunidade em Inglês). "O objetivo é coordenar uma rede europeia", diz Mauro Messerotti, Trieste Observatório do Instituto Nacional de Astrofísica (INAF) e membro do Conselho de Governadores do Swico.

Os objetivos são comuns, mas os cenários que são prefigurado pelo grupo SolarMax não são as melhores, mas são decididamente apocalípticos. O porta-voz da Solar Max, Dr. Ashley Dale, da Universidade de Bristol, não mediu palavras e adverte que os efeitos da super tempestade  solar pode ser "catastrófico" e continuou "a longo prazo", paralisando os sistemas de comunicação, redes de energia e transporte. Ashley Dale tempestade pode ser iminente, uma vez que de acordo com os cálculos da NASA que acontece uma vez a cada 150 anos, ea última há foi em 1859. E 'conhecido como o Evento Carrington, em homenagem ao astrônomo britânico Richard Carrington, que observou a erupção solar que desencadeou a tempestade em direção à Terra, enviando um enxame intenso de partículas.
Messerotti Massimo, um membro do conselho de administração da SWIC, disse que o objetivo é coordenar uma rede europeia. A última tempestade solar de super-ocorreu em 1859 e de acordo com os cálculos da NASA que acontece uma vez a cada 150 anos. Claramente não há certezas, e o cálculo é aproximado, ainda não se pode saber com certeza quando se trata da tempestade solar. 
A certeza é que haverá, e é importante para lidar com ela da maneira correta e se preparar.
Mais um post by: UFOS ONLINE

 Veja os Vídeos Abaixo:


                                                  Fonte:NASA Goddard


                                                Fonte:INFONews


                                                 Fonte:TrafficSeeker

China: Forte terremoto de 6,5º atinge o país

Posted by  on 03/08/2014
earthquake
Forte terremoto na China.Kunming, 03 de agosto (Xinhua)
Um forte terremoto de 6,5 graus de magnitude sacudiu a cidade de Ludian, no condado de Zhaotong,  na província de Yunnan, sudoeste da China às 4:30 (horário de Beijing) pm deste domingo (05:30 da madrugada de domingo em Brasilia), disse a agência China Earthquake Networks Center (CENC). O epicentro foi localizado a 27,1º graus de latitude norte e 103,3º graus de longitude leste, com uma profundidade de 12 km, de acordo com o CENC.
Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@gmail.com
Forte terremoto de magnitude 6.5º  atinge o sudoeste da província de Yunnan, na China. Centenas de mortos, muitos feridos e vários desaparecidos.
Eu senti uma forte sacudida em casa no quinto andar e alguns pequenos objetos em meu apartamento caíram das prateleiras”, disse um residente na sede do condado de Ludian.
A maioria das pessoas correu para fora dos edifícios procurando as ruas e espaços livres. A eletricidade foi cortada, os serviços de telecomunicações foram afetados e foi difícil de alcançar as pessoas em Ludian por telemóvel, disse um residente.
china_terremoto
Moradores e as equipes de resgate trabalham no local em busca de sobreviventes. 367 pessoas morreram até o momento (16:50 horas de Brasilia), mais de 1.400 ficaram feridas e outras 181 são consideradas desaparecidas, informou a agência de notícias estatal Xinhua.
O governo enviou 2 mil barracas, 3 mil macas, 3 mil cobertores e 3 mil casacos para a zona do desastre. A imprensa estatal anunciou o envio de 2.500 soldados às áreas afetadas pelo terremoto, que se unirão a uma equipe de mais de 300 policiais e bombeiros procedentes da cidade de Zhaotong.
china-quake-03-08
Foto tomada no local, com celular no condado de Ludian.
Mais de 350 pessoas morreram em um terremoto na região montanhosa da remota província chinesa de Yunnan, no sudoeste do país, neste domingo (3), segundo a agência estatal chinesa Xinhua. O terremoto de magnitude 6,1 também foi sentido nas províncias vizinhas de Guizhou e Sichuan.
O tremor aconteceu às 16h30 (5h30 de Brasília), a uma profundidade de 10 km, segundo o Centro de Geofísica dos Estados Unidos (USGS). A TV chinesa mostrou imagens de moradores aterrorizados correndo para as ruas e prédios derrubados – um deles, uma escola. Segundo as autoridades, as comunicações com o local foram seriamente afetadas.
china-quake-03-08.01jpg
Moradores procuram por sobreviventes entre os escombros de casas que ruíram.
No distrito de Ludian, próximo ao epicentro, mais de 120 mortes aconteceram, de acordo com aChina News Service, a segunda agência de notícias oficial do país.
As províncias vizinhas à Yunnan, Guizhou e Sichuan, também sentiram os efeitos do terremoto. O sudoeste da China está localizado entre as placas tectônicas Euroasiática e da Índia, sendo assim uma área suscetível a terremotos.
china-quake-03-08.02
Os danos materiais foram grandes na região atingida pelo terremoto
Em 1974, um tremor de 6,8 graus na mesma região matou mais de 1.500 pessoas. Em 2008, um terremoto de 8 graus em Sichuan, uma das províncias mais populosas da China, deixou mais de 87 mil mortos e desaparecidos. Em setembro de 2012, outras 80 pessoas morreram em dois terremotos na região montanhosa entre Yunnan e Ghizhu.
Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original  e mencione as fontes.

Suspeita de ebola em Goiânia é descartada pelo Ministério da Saúde

Uma paciente procurou o HDT (Hospital de Doenças Tropicais) em Goiânia nesta sexta-feira (1º) com sintomas parecidos com ebola, mas a possibilidade da doença foi descartada pelo Ministério da Saúde. As informações são da Agência Brasil.

A mulher de 23 anos havia voltado havia pouco tempo de uma missão religiosa de dez dias em 
Moçambique, na África. Ela apresentou tosse e febre alta, os mesmos sintomas da doença que está assolando o continente. O país em que a mulher esteve, porém, não está com o surto de ebola.

O serviço especializado do hospital realizou exames e conseguiu descartar a possibilidade da doença. A paciente continua internada em observação para manter o tratamento dos sintomas apresentados.

O Ministério da Saúde emitiu uma nota oficial informando que não há caso suspeito ou confirmado de ebola no País e que o risco de transmissão para o Brasil é baixo. Entretanto, as autoridades recomendam que brasileiros adiem viagens à África.

De acordo com os dados divulgados pela OMS (Organização Mundial da Saúde), os países com o pior quadro da doença são Guiné, Libéria e Serra Leoa, todos situados na África Ocidental.

Fonte:http://noticias.r7.com/saude/suspeita-de-ebola-em-goiania-e-descartada-pelo-ministerio-da-saude-03082014

http://g1.globo.com/goias/noticia/2014/08/mulher-volta-doente-da-africa-chance-de-infeccao-por-virus-ebola-e-remota.html

http://lado-oculto-nova-ordem-mundial.blogspot.com.br/2014/08/suspeita-de-ebola-em-goiania-e.html

Exército Americano Desenvolve Balas que Perseguem Alvos

Foram necessários seis anos e US$ 25 milhões para que o Exército americano tornasse realidade algo que antes só existia em filmes: uma bala que persegue seu alvo.

O protótipo acaba de ser testado com sucesso pela Agência de Projetos de Pesquisa em Defesa Avançada (Darpa), braço militar americano responsável por desenvolver as armas do futuro.

O vídeo da agência mostra o disparo de um rifle de calibre .50 em que o atirador mira não no alvo, mas em outro ponto próximo. Mesmo assim, a bala ajusta seu curso.




"É um desafio para os atiradores usar a tecnologia atual em condições desfavoráveis, com vento forte e poeira", afirma a página oficial da Darpa.

"O novo sistema ajudará a disparar tiros a uma distância maior e atingir um alvo que talvez não esteja na linha de visão, mesmo que isso só ocorra em alguns poucos casos."


Leia mais:



DARPA Desenvolve Chips Cerebrais para Implantar Memórias Falsas






Conheça o Exército Robótico do Google, Podemos Ficar Tranquilos?




Fontes:
BBC: Exército Americano Desenvolve Bala que Persegue Alvo
DARPA: Exacto demonstrates first-ever guided .50-caliber bullets

Obama Leva o Ebola para a os EUA após Assinar a Ordem Executiva para Deter Americanos Doentes

Funcionários estão levando para os EUA o Ebola que os médicos não conseguiram conter na África. Além do fato dos médicos na África não serem capazes de impedir a disseminação do Ebola, os funcionários dos Estados Unidos levaram um paciente afetado para o país apenas alguns dias depois do presidente Barack Obama assinar uma ordem executiva determinando a detenção de americanos que mostrarem sinais de "doenças respiratórias".

O primeiro paciente de Ebola conhecido em solo americano, o Dr. Kent Brantly, foi levado para Hospital da Universidade de Emory, em Atlanta, Georgia, depois de contrair a doença na Libéria durante o último surto na África Ocidental, queceifou a vida de mais de 700 pessoas.

"O vídeo da Universidade de Emory mostrou alguém vestindo uma roupa de proteção de corpo inteiro branca ajudando uma pessoa vestida de forma semelhante sair da ambulância e ir para o hospital no início da tarde de sábado", informou a CNN.

Isso tem alimentado preocupações entre o povo americano que o Ebola poderia agora se espalhar dentro dos EUA, especialmente porque o vírus tem sido difícil de conter na África.

"Parece o roteiro perfeito para um filme de terror: Um vírus sem vacina e sem cura mata centenas de pessoas; apesar dos esforços de contenção, ele continua se espalhando, mas na verdade é tudo muito real na África Ocidental, onde os médicos disseram que o Ebola está agora 'fora de controle'", escreveu Sheila M. Eldred para a Discovery News.

Os hospitais nos EUA podem não ter destino melhor, considerando que a "bactéria pesadelo" resistente a antibióticos propagou-se de um centro médico em 2001, para 46 estados em 2013.

"Os portadores de Ebola serão alegadamente colocados em quarentena em salas especiais, mas já sabemos que os hospitais americanos não podem conter até mesmo infecções por estafilococos", escreveu o colunista Paul Craig Roberts. "O que acontece com os utensílios, pratos, copos e taças com os quais as pessoas infectadas por ebola comem e bebem e quem limpa os lençóis?"

"Um deslize por uma pessoa, uma lágrima em uma luva de borracha, e o vírus está solto."

Isso realmente destaca a natureza irresponsável da elite global e funcionários do governo para a importação para o país de um vírus que não tem tratamento específico e uma taxa de mortalidade de até 90%.

Da mesma forma, as universidades financiadas pelo Estado e outras instalações em todos os EUA estão mantendo vírus armado para a chamada "bio-defesa", sob o projeto de lei Bioshield  aprovado pelo Congresso em 2004, mas porque estas instalações são apenas moderadamente seguras em sua maior parte, há um risco real de que um vírus mortal poderia escapar para o público e afetar milhões de americanos em um surto no mesmo nível que as pandemias que mataram 80% das populações nativas americanas no século 19.

O National Research Council descobriu que um desses laboratórios no Kansas, por exemplo, tem 70% de chance de que um vírus se espalhe a partir do seu laboratório nos próximos 50 anos, mesmo que a instalação seja designada como "de segurança máxima".

E também deve-se salientar que este é apenas um laboratório de muitos na nação, uma boa porcentagem dos quais têm ainda menos segurança.

Não há dúvida de que um acidente ou uma liberação orquestrada de um vírus de um desses laboratórios pode resultar na morte de milhões de pessoas, bem como uma resposta do governo draconiano ao surto, incluindo a lei marcial, tanto através da Model State Emergency Health Powers Act elaborada em 2001 como também da mais recente ordem executiva do presidente Barack Obama, que determina a apreensão e detenção de americanos que simplesmente mostrarem sinais de "doenças respiratórias".

Simplificando, em vez de impedir que o Ebola e outros vírus se espalhem dentro dos EUA, Obama está preparando sua administração para uma tomada de poder se uma grande pandemia começar em todo o país.

Leia mais:




Se o Ebola Atingir os EUA, até Mesmo os Americanos Saudáveis Serão Colocados em Quarentena





Alerta: CDC Advertiu que o Próximo Avião aos EUA Poderia Levar a uma Pandemia de Ebola






A Doença do Apocalipse: Mais 68 Mortes por Ebola em uma Semana e Aumento de 20% de Novos Casos




Fontes:
Infowars: Obama brings ebola into america after signing executive order to detain sick americans
Infowars: Obama signs executive order to allow detention of americans with ‘respiratory illnesses’
CNN: Ebola patient walks into Atlanta hospital; wife sees him through glass
CBS: Liberian Official: Ebola Outbreak ‘Is Above The Control Of The National Government’

voltar ao topo, inicio