SEJA BEM VINDO - NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO
NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

segunda-feira, 12 de maio de 2014

Poupança Fraterna, o mais duro golpe contra o povo brasileiro


Publicado por  em 12 maio

Projeto de Lei Complementar 137/04, do deputado Nazareno Fonteles (PT-PI), que estabelece um limite máximo de consumo e a criação de uma “Poupança Fraterna”, pela comissão de Finanças e Controle. O projeto estabelece que, durante sete anos, haverá um limite máximo de consumo mensal que cada pessoa poderá utilizar para seu sustento e de seus dependentes residentes no País. Este limite será calculado de acordo com a renda per capita nacional mensal calculada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Segundo o IBGE, em 2003, a renda per capita anual era R$ 8.565, o que significa cerca de R$ 713 ao mês.Pelo projeto, a parcela dos rendimentos, que exceder o limite de consumo, será depositada, a título de empréstimo compulsório, em uma conta especial de caderneta de poupança, em nome do depositante, denominada Poupança Fraterna.
Distribuição de renda
O objetivo do projeto, segundo o autor, é fortalecer os valores humanísticos de fraternidade, liberdade e igualdade, que facilitarão e possibilitarão a todos os brasileiros acesso aos bens essenciais. Na avaliação de Fonteles, a proposta promoverá também a inclusão social e econômica da parcela da população que hoje possui baixa capacidade de consumo. “A fome em que vivem milhões de seres humanos deve-se à má distribuição da renda e da riqueza, e não à escassez de alimentos”, defende o deputado.
Poupança
O projeto estabelece que os depósitos da “poupança fraterna” poderão ser feitos no Banco do Brasil ou na Caixa Econômica Federal, a critério do titular da conta. A proposta também prevê a livre movimentação dos recursos pelo titular entre as duas instituições financeiras. Os recursos aplicados serão remunerados com juros equivalentes à 50% dos depósitos efetuados em caderneta de poupança.
Devolução
Os recursos aplicados serão devolvidos aos poupadores ou seus herdeiros nos 14 anos seguintes ao término do prazo de poupança, em prestações mensais equivalentes à metade de cada um dos depósitos realizados. Haverá, no entanto, as seguintes hipóteses de saques extraordinários dos valores depositados:
1. morte do titular;
2. aquisição de casa própria para fins de residência permanente, limitado a R$ 200 mil; e
3. tratamento de doença grave do titular, do cônjuge ou dependentes diretos;
Gestão
O projeto prevê a criação do Conselho Nacional de Poupança Fraterna (CNPF), a quem caberá a gestão da Poupança Fraterna. O conselho terá, entre outros, os seguintes integrantes:
1. ministro de Desenvolvimento Social e Combate à Fome, que o presidirá;
2. representantes dos Ministérios da Saúde; Educação; Planejamento; Meio Ambiente; e Ciência e Tecnologia;
3. representantes de centrais sindicais e confederações;
4. representantes de entidades de classes; e
5. representantes do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal.
Segundo o texto apresentado, poderão ser criados, conforme demandas regionais e locais, Conselhos Estaduais e Municipais da Poupança Fraterna, que atuarão em articulação com o Conselho Nacional.
Sonegação
O PLP prevê multa equivalente a duas vezes o valor sonegado, além de juros de mora nos casos em que o correntista não depositar, na Poupança Fraterna, o excedente ao limite máximo de consumo. Além disso, terá seu nome inserido no Cadastro da Dívida Ativa da União, pelo valor correspondente a duas vezes o valor sonegado (Agencia Câmara Notícias)
Opinião
A ultima atualização das movimentações do projeto na câmara, consta que a COORDENAÇÃO DE COMISSÕES PERMANENTES ( CCP ) enviou o projeto para arquivamento. Para o bem do Brasil, tomara que continue assim. Este projeto é mais um mecanismo para forçar o país ao comunismo, assim como outros projetos que vem fazendo com que o brasileiro fique cada vez mais dependente e refém do Estado.

Impunidade dos EUA: o Golpe de 1964, George H W. Bush, Operação Condor, a CNV e as guerras da Síria e do Iraque

Aos poucos, as suspeitas de que o presidente João Goulart (“Jango”), deposto pelo golpe de Estado de 1964, o ex-presidente Juscelino Kubitschek (“JK”) e o ex-governador da Guanabara Carlos Lacerda foram assassinados entre 1976 e 1977 estão sendo confirmadas com grande riqueza documental. Eles teriam sido assassinados pela Operação Condor, para ser mais preciso, uma espécie de “MERCOSUL do Terror”, conforme está sendo comprovado pelas comissões da verdade na Argentina e demais países do sul-americanos. Falta a confirmação a respeito de Carlos Lacerda, supostamente morto em decorrência de um infarto.

Como a Operação Condor foi inspirada na Operação Gladio, similar europeia do programa de “caça aos comunistas e aos nacionalistas” perpetrado pela Agência Central de Inteligência (CIA), só podemos concluir que a CIA foi responsável indireto pelos assassinatos destas lideranças brasileiras.

Afinal, quem era o diretor da CIA na época do apogeu da Operação Condor, o ano de 1976? A resposta é George Herbert Walker Bush, uma das figuras mais sinistras do século XX, ao lado de Winston Churchill, Theodore Roosevelt, Adolf Hitler, Benito Mussolini, Lyndon Johnson, Richard Nixon, Ronald Reagan e Neville Chamberlain, entre outros genocidas e ditadores. George H. W. Bush foi diretor da CIA entre 30 de janeiro de 1976 e 20 de janeiro de 1977, sob a presidência de Gerald Ford, que assumira o comando dos EUA após o golpe de Estado que derrubara Richard Nixon, em 1974, que a mídia ocidental denominou de processo de “impeachment”. Entretanto, Henry Kissinger continuou no poder como secretário de Estado mesmo após a derrubada de Nixon. W. H. Bush, Ford e Kissinger deram os primeiros passos do que nos meios de pesquisas de geopolítica chamam de “roll-back”, ou seja, a brutal “viradeira” para a retomada da hegemonia mundial do poder dos EUA, abalada (na visão dos ianques) pela détente, a deposição de Nixon, a derrota no Vietnã, a crise do petróleo, independência na África meridional, a revolução sandinista na Nicarágua, a ascensão da Organização para a Libertação da Palestina (OLP), o desenvolvimento econômico do Brasil, do Iraque e da Coréia do Sul, a emergência da Europa e do Japão, e, por fim, o surgimento de governos aliados da extinta União Soviética (URSS) na Ásia, África e América Latina. Com H. W. Bush na direção da CIA, os EUA promoveram, em 1976:

• a invasão e a ocupação militar do Timor Leste pela Indonésia, apoiada pela Austrália, na qual mais de 180 mil timorenses foram assassinados, iniciada em dezembro de 1975;
• a intervenção da Síria no Líbano, apoiada tacitamente, para “neutralizar” a coalizão “islamo-progressista”, liderada pela OLP, que estava prestes a vencer a guerra do Líbano (e de exterminar os libaneses cristãos), em maio. A intervenção síria favoreceria o ataque da extrema direita cristã liberal à resistência palestina, culminando no Massacre de Tal al-Za’atar, no qual mais de 2 mil palestinos foram assassinados;
• o assassinato do diplomata chileno Orlando Letelier, opositor da ditadura liberal do general Augusto Pinochet, em Washington D.C., capital dos EUA, em setembro;
• por meio do governo de Pretória, o Massacre de Soweto, em junho, na África do Sul, feroz repressão a um levante de jovens estudantes negros contra o regime de “apartheid”, que exterminou cerca de 500 pessoas, inclusive, crianças;
• golpe da Junta Militar da Argentina, em março, que inaugurou uma das mais sangrentas ditaduras da história recente do Cone Sul.

Foi neste contexto internacional que o ex-presidente Juscelino Kubitschek e o presidente e eleito constitucional e democraticamente João Goulart foram assassinados, sendo que o último, morto na Argentina, em dezembro de 1976. Recentemente, no entanto, no Brasil, a Comissão Nacional da Verdade (CNV), cujo um dos integrantes é o obscuro politólogo Paulo Sérgio Pinheiro (PSP), concluiu que a morte de JK na rodovia Presidente Dutra, que liga as capitais de São Paulo e do Rio de Janeiro, foi resultado de um mero acidente de trânsito, em agosto de 1976.
As conclusões da CNV, da qual PSP é integrante, colidem com o relatório da Comissão Municipal da Verdade de São Paulo (CMVSP), que afirma que JK foi assassinado por uma conspiração e um atentado político cujo objetivo era eliminar lideranças oposicionistas ao governo autoritário para controlar a abertura política. No caso, JK, com direitos políticos cassados, se articulava com o ex-governador Carlos Lacerda e o presidente deposto João Goulart, para por fim à ditadura civil-militar.

No mesmo ano, outros políticos sul-americanos foram assassinados, sob circunstâncias misteriosas, por se oporem às ditaduras de segurança nacional impostas pelos EUA no Cone Sul a partir do golpe de 1964 no Brasil. A Operação Condor teria sido constituída pelos países sul-americanos para reprimir e “neutralizar” a ação dos opositores a estas ditaduras pró-ocidentais. É pouco crível que os EUA não estivessem por detrás da montagem deste aparato repressivo. Há vários informes que a zona ianque do Canal do Panamá servia como o local de coordenação de informação de inteligência de todo o Cone Sul na época.

Qual seria o objetivo da CNV em contrariar a CMVSP e negar o assassinato de JK?
PSP jamais escondeu suas simpatias pelos EUA e Israel. Em agosto de 2013, ele presidia a Comissão Internacional de Investigação para a Síria (CIIS), quando ocorreu um ataque químico no subúrbio de Damasco, em Ghouta, de autoria desconhecida, matando centenas de pessoas. Em maio do mesmo ano, uma das integrantes da Comissão, Carla Del Ponte, afirmara categoricamente que o “rebeldes”, que combatem o governo de Bashar al-Assad, eram responsáveis pelo uso de armas químicas na Guerra da Síria. Os “opositores” do presidente sírio são armados, treinados e financiados pelos EUA e seus aliados regionais (Turquia, Catar, Israel e Arábia Saudita) desde o início dos combates em março de 2011. No início de junho de 2013, PSP veio a público afirmar que a CIIS não poderia determinar quem usou armas químicas no conflito após a entrega de supostas provas pelos governos dos EUA, França e Inglaterra. Só se podia afirmar, segundo ele, que armas químicas estavam sendo usadas no conflito. Em dezembro, o jornalista ianque Seymour Hersh, em uma longa reportagem investigativa sobre o ataque a Ghouta, acusou o grupo al-Nusra, filiado a rede terrorista al-Qaeda, pelo uso e ataque de armas químicas no referido subúrbio damasceno, ratificando as declarações de Del Ponte.

No entanto, a mídia ocidental acusava abertamente o governo de al-Assad, sem apresentar provas concretas, pelo ataque químico contra a própria população nos arredores de Damasco. O uso de armas químicas foi considerado pelo presidente-ditador dos EUA Barak Obama uma “linha vermelha”, a qual o governo sírio estava impedido de atravessar, do contrário, haveria uma resposta militar. Analistas internacionais entenderam que os EUA pareciam buscar apenas um pretexto, mesmo que fosse forjado, para atacar a Síria, tal como ocorrera no Vietnã, em 1964, e no Iraque, em 1991 e em 2003, quando a suposta existência de armas de destruição em massa foi usada exaustivamente pelo governo W. Bush e pela mídia ocidental como casus belli para o extermínio do país mesopotâmico. Ao desmentir a comissária Del Ponte e aceitar as supostas provas indicadas por Washington D.C., PSP livrava tanto os “rebeldes” da acusação como também permitia Barak Obama impor a sua versão dos acontecimentos na Síria, abrindo caminho para um bombardeio ianque sobre a Síria, cujo resultado poderia ter sido a deflagração de uma III Guerra Mundial aberta. Isto quase ocorreu de fato, pois a frota ianque no Mediterrâneo chegou a disparar um míssil contra a Síria, no início de setembro do ano passado, que foi interceptado pelos russos.
Ao se negar reconhecer que JK foi assassinado (assim como Jango e Lacerda), apesar dos abundantes indícios neste sentido, que não param de crescer, a CNV parece tentar isentar não apenas a Operação Condor, mas, sobretudo, a participação dos EUA na repressão das ditaduras sul-americanas. Por tabela, a responsabilidade de George H. W. Bush no assassinato de um ex-chefe de Estado e de um chefe de Estado deposto brasileiros ficou ocultada. Com a impunidade garantida, a carreira de crimes cometidos por H. W. Bush não foi encerrada com sua saída da chefia da CIA, ele se tornaria presidente dos EUA em 1989, e como um ditador ao estilo romano declarou guerras sem pedir autorização ao Congresso, invadindo o Panamá, em 1990, na qual mais de 4 mil pessoas foram assassinadas, a Somália, em 1992, e, sobretudo, o Iraque, na qual mais de 150 mil iraquianos foram exterminados pelos bombardeios ianques de saturação por mar, ar e terra ao longo de 41 dias, no inverno de 1991.

Seria, portanto, desnecessário dizer que os EUA têm uma longa tradição de invadir países e derrubar governos que não lhes agradam? Infelizmente, é necessário. É preciso lembrar que os EUA foram o principal autor do golpe de Estado de 1964 que derrubou o presidente João Goulart. Washington D.C. despachou uma frota para atacar o Brasil (a Operação Brother Sam), para motivar os golpistas e também para vergar uma provável resistência ao golpe. E existiam motivos para temer uma resistência, pois as eleições presidenciais se aproximavam e Jango e o seu projeto de “reformas de base”, visando um desenvolvimento econômico e social soberano, gozavam de enorme popularidade. Sem a ameaça de intervenção militar ianque, não haveria como dissuadir uma eventual resistência armada ao golpe (que poderia se esboçar com a mobilização do III Exército, no Rio Grande do Sul). Portanto, mesmo contando com empresários, classes médias e significativos efetivos militares favoráveis à queda de Jango, sem a participação dos ianques, a deposição do presidente seria impossível.
Com o golpe dos EUA contra o Brasil, apoiado por setores do empresariado, dos militares e das classes médias, em 1964, inaugurou-se o ciclo de ditaduras de segurança nacional no Cone Sul. Com tais ditaduras, as forças armadas destes países foram convertidas pelos EUA em forças de ocupação militar estrangeira, dando prosseguimento às diretrizes geopolíticas traçadas pelo geógrafo ianque Nicholas Spykman para a contenção da URSS e o controle da Eurásia. Por meio destes governos antidemocráticos, Washington D.C. promoveu sua guerra contra as políticas econômicas nacionais-desenvolvimentistas sul-americanas que ameaçavam a retaguarda imperial, sem a qual seria impossível a projeção de poder sobre a ilha-mundo euro-afro-asiática, e, portanto, sobre toda humanidade.

Hoje, a direita brasileira reconhece a participação dos EUA no golpe de 1964, porém, como há um esforço por uma parte significativa da esquerda brasileira em subestimar e até mesmo negar a participação decisiva dos ianques no golpe e na ditadura civil-militar inaugurada em 1964 (a ponto de manter silêncio com a participação de um partidário de Washington D.C. na CNV), é preciso mais do que nunca resgatarmos as raízes históricas do nosso atual Estado liberal-colonial, que se consolidou a partir dos governos Collor e FHC. Sob o regime liberal, o Brasil se tornou uma das nações mais violentas do mundo.

Oriente Mídia
http://noticia-final.blogspot.com.br/2014/05/impunidade-dos-eua-o-golpe-de-1964.html

Embaixada do Brasil em Berlim apedrejada por encapuzados - obra de grupo nazista???

A Embaixada do Brasil em Berlim, na Alemanha, foi apedrejada por encapuzados na madrugada de hoje, divulgou a imprensa brasileira.
Mundo
Embaixada do Brasil em Berlim apedrejada por encapuzados
17:16 - 12 de Maio de 2014 | Por
Segundo o setor de imprensa da embaixada brasileira na Alemanha, citado pelo sítio eletrônico de notícias G1, um grupo de pessoas encapuzadas lançou dezenas de pedras contra as janelas da representação diplomática, partindo vários vidros.
Notícias da imprensa alemã inicialmente informavam que se tratavam de aproximadamente dez pessoas, mas um funcionário da embaixada brasileira que assistiu às imagens das câmeras de segurança informou ao G1 que seriam apenas quatro pessoas.
Os responsáveis pelo ataque fugiram antes da chegada da polícia, que foi chamada por um segurança da embaixada.
As autoridades alemãs estão a analisar as imagens gravadas.
Uma nota da polícia de Berlim afirmou que uma motivação política para o ataque não está excluída.
Os jornais alemães mencionam que os ataques poderiam ter relação com protestos contra o Mundial de futebol, que será realizado no Brasil entre junho e julho.
Esta semana, a revista alemã "Der Spiegel" publicou uma reportagem sobre os problemas com a organização deste evento desportivo no Brasil.
A embaixada informou que não havia no local nenhuma evidência de que o ataque esteja relacionado ao Mundial de futebol no Brasil.

FONTE:
http://www.noticiasaominuto.com/mundo/216849/embaixada-do-brasil-em-berlim-apedrejada-por-encapuzados
http://illuminatielitemaldita.blogspot.com.br/2014/05/seguranca-embaixada-do-brasil-em-berlim.html

República Popular de Donetsk se declara Estado soberano

Foto: RIA Novosti/Maksim Blinov
Leia mais: http://portuguese.ruvr.ru/news/2014_05_12/Rep-blica-Popular-de-Donetsk-se-declara-Estado-soberano-6041/
A República Popular de Donetsk (RPD) declarou-se um Estado soberano após a realização do referendo sobre o estatuto da região, declarou esta segunda-feira o copresidente do governo interino da região, Denis Pushilin.

"Nós, o povo da República Popular de Donetsk, declaramos, baseando-se nos resultados do referendo realizado em 11 de maio de 2014 e na Declaração de Soberania da República Popular de Donetsk, que, a partir de agora, a RPD é um Estado soberano. <...> Com base na decisão do povo da República de Donetsk e para a restauração da justiça histórica, pedimos à Federação Russa para considerar a integração da região na Rússia", leu hoje Pushilin "o apelo da RPD".
O documento também contém uma disposição sobre a negação de todas as formas de fascismo, nacionalismo, chauvinismo e discriminação racial.
"Enquanto, na Ucrânia, essas ideias dominarem, as boas relações de vizinhança com os nossos ex-compatriotas, que residem no oeste, não podem ser construídas", afirma o comunicado.
Fonte: http://portuguese.ruvr.ru/news/2014_05_12/Rep-blica-Popular-de-Donetsk-se-declara-Estado-soberano-6041/

Leia mais: http://portuguese.ruvr.ru/news/2014_05_12/Rep-blica-Popular-de-Donetsk-se-declara-Estado-soberano-6041/

Papa Francisco indagou: "E se amanhã chegasse uma expedição de marcianos?"

Durante a missa desta segunda-feira, o Papa Francisco falou hipoteticamente de uma expedição de marcianos. Isto para explicar que não se fecha as portas a ninguém.
Mundo
E se amanhã chegasse uma expedição de marcianos?
17:00 - 12 de Maio de 2014 | Por Notícias Ao Minuto
O Papa Francisco revelou aos fiéis presentes na missa desta segunda-feira que pode haver uma expedição de marcianos a aproximar-se. “Se por exemplo, amanhã chegasse uma expedição de marcianos?”, perguntou. E se quisessem ser batizados, “o que é que aconteceria?”, revela a Rádio Renascença.

Estas declarações surpreenderam todos os presentes, mas o Papa afirmou que estava a falar hipoteticamente. “Verdes, com narizes compridos e orelhas grandes, tal como nos desenhos das crianças”.
Usou ainda o exemplo de que ninguém deve fechar as portas ao Espírito Santo, mesmo quando são situações improváveis. “Quando o Senhor nos mostra o caminho, quem somos nós para dizer. Não, Senhor, não é prudente! Não, façamos de outra maneira. Quem somos nós para fechar portas?”, acrescenta.
Realçou ainda, “nunca existiu um ministério para quem fecha as portas aos outros. Nunca”. “O Espírito faz escolhas impensáveis, inimagináveis. E enquanto cristãos devemos pedir ao Senhor a graça da docilidade aos Espírito Santo”, remata Francisco.

FONTE:
http://www.noticiasaominuto.com/mundo/216834/e-se-amanha-chegasse-uma-expedicao-de-marcianos 
http://illuminatielitemaldita.blogspot.com.br/2014/05/papa-francisco-indagou-e-se-amanha.html

Programadora implanta chip na própria mão para testar nova tecnologia

A programadora Zoe Quinn resolveu fazer uma pequena loucura em nome da tecnologia e implantou um microchip em sua própria mão usando uma agulha

Zoe explica em um post no seu blog que o microchip instalado em sua mão faz parte de uma tecnologia muito nova. O aparelho tem 888 bytes de leitura e gravação e pode ser reprogramado pelo telefone a qualquer hora

Ela também gravou um vídeo para mostrar como instalou o microchip e como ele funciona. Durante o vídeo é possível ver Zoe usando luvas descartáveis e instalando o dispositivo com uma agulha de tamanho considerável.


No blog ela explica que ainda não entende como aguentou a dor de instalar o dispositivo nela mesma. Zoe disse que pensou várias vezes que não conseguiria terminar o processo de inserção do microchip

A programadora explica que quis instalar o dispositivo porque, cedo ou mais tarde, tentaria programar o funcionamento do seu próprio corpo

Ela preferiu não ir a um profissional que colocasse piercings porque ele faria a inserção como se fosse um procedimento de rotina.

— Essas coisas significam muito mais para mim, por mais bruto e estranho que possa parecer para a maioria das pessoas

Zoe diz que ainda não tem certeza sobre o que pode fazer com o chip, mas afirmou que pretende criar um jogo.

Ela mostra algumas funções que já conseguiu dar ao dispositivo, como desbloquear o smartphone passando a parte de trás do smartphone próximo ao local em que o microchip foi inserido.


No vídeo, entretanto, é possível ver que o desbloqueio do celular veio depois de algumas tentativas.

No blog ela também explica que o microchip também pode transmitir dados para outros dispositivos compatíveis, como smartphones com Android.

Com o microchip ela pretende passar códigos do Steam para quem a encontrar na rua e der um "high five". No dedo anelar esquerdo ela instalou um pequeno imã de silicone com o qual consegue pegar pequenos objetos de metal e sentir campos magnéticos.

A programadora diz que está muito otimista com a tecnologia. Ela afirma que, se quiser remover o dispositivo, terá que tirá-lo com um bisturi.

Zoe diz que ninguém deve tentar fazer isso em casa. Ela assume que correu um risco enorme e disse que treinou com vários profissionais com experiência em colocar piercings.

Zoe afirma não ser possível que outras pessoas a rastreiem apenas pelo chip, tampouco teme que sua mão seja hackeada por algum engraçadinho:
“Se alguém quiser me hackear, terá que chegar a 10 centímetros da minha mão, dentro do raio de alcance do meu soco”

Fontehttp://linkis.com/r7.com/V7YEe

Vídeo da programadora:



https://www.youtube.com/watch?v=aa3s9fMOic8

É galera, estamos chegando lá!!

Trechinho do texto A sombra da Era de Aquário - Nova Ordem Mundial


...Um futuro feito por uma racionalidade tão fria que poderia simbolizar a ‘sombra’ de Aquário. Um mundo em que um sistema social fosse tão rigidamente organizado em prol do conjunto, que chips fossem implantados no cérebro das pessoas, anulando suas vontades individuais e criatividade (as quais são simbolizadas pelo signo de Leão, oposto a Aquário). Um mundo com tanto poder de intervenção que praticamente poderíamos ‘fabricar’ um ser humano ao nosso gosto (com todos os perigos que isto embute). Um mundo em que a tecnologia (Aquário) fosse tão dominante que isto pudesse abrir espaço para terríveis formas de controle e centralização (reflexo de Leão), com a sufocação da liberdade (uma das necessidades aquarianas mais fortes)...

Ravena

http://evoluindo-sempre.blogspot.com.br/2014/05/programadora-implanta-chip-na-propria.html

Faça você mesmo sua água alcalina, ótima para a saúde

Você já deve ter ouvido falar de água alcalina.
Essa água é perfeita para a saúde, pois desacidifica o corpo e elimina toxinas.
Existem filtros que alcalinizam a água.
Mas você pode fazer isso sem o uso de filtros.
A receita é simples:
em 20 litros de água (de preferência, água de poço e filtrada), você vai pôr:
10 gramas de cloreto de magnésio P.A
10 gramas de bicarbonato de sódio
10 gramas de flor do sal
Para fazer essa água alcalina, recomendamos que você use um botijão de 20 litros de água mineral.
Encha o botijão com água e acrescente os ingredientes.
Balance/agite o recipiente.
E a água já pode ser consumida.
Os depoimentos de quem bebe água alcalina geralmente são muito positivos.
As pessoas relatam melhoras na digestão, na disposição e na aparência.
A água alcalina também ajuda a controlar a pressão e melhora a saúde do coração.
Por isso acreditamos que vale a pena investir na água alcalina.
Para mais informações, assista a um vídeo sobre o assunto no nosso canal no <YouTube> 

Fonte:



Investidor Marc Faber Teme a Chegada de uma Nova Crise Financeira Maior que a de 2008

O investidor multimilionário Marc Feber coloca em dúvida a recuperação dos Estados Unidos. Ele acredita que a situação econômica global poderia complicar na segunda metade deste ano e se mostra preocupado sobre o fato de que a crise financeira de 2008 seja apenas uma precursora de uma queda ainda maior.
Em declarações à CNBC, Feber explica que o volume total de crédito nas economias avançadas- somado às empresas, os governos e os consumidores, seja de apenas 30% superior ao de 2007. O autor do relatório Gloom, Boom & Doom, não acredita que a "economia esteja recuperada totalmente. Temos uma desaceleração nos Estados Unidos", assegura.

Os dados preliminares, publicados na semana passada, assinalam que a economia dos EUA cresceu 0,1% no primeiro trimestre deste ano, depois de um dos piores invernos em anos. A Bloomberg aponta um crescimento de 1,2% e supõe um forte esfriamento desde o 2,6% registrado no último trimestre de 2013, segundo dados do Departamento de Comércio.

Os dados mostram que o impacto que houve sobre maior economia do mundo do inverno que se distinguiu pelas temperaturas muito baixas e repetidas nevascas que afetaram a quase todo o país. De fato, a presidente do Federal ReserveJanet Yellen, já deixou pra trás ao apontar que a desaceleração da economia é transitória.

Em todo caso, Feber, suspeita da recuperação. Alem disso, opina que "o dinheiro é o bem mais desvalorizado". "Olhando para os próximos 6 meses, talvez o dinheiro seja mais atrativo", aponta.

Durante todo este contexto, acrescenta que, o preço das ações nas economias avançadas já atingiu o seu máximo. Feber assinala, que além disso, os títulos do governo estão caros devidos a sua baixa rentabilidade

O investidor também se referiu ao conflito com a Ucrânia, um problema geopolítico que atua como um ponto negativo para os mercados financeiros.

Fontes:
Periodismo Alternativo: Marc Faber teme la llegada de una nueva crisis financiera mayor que la de 2008
El Economista: Marc Faber teme la llegada de una nueva crisis financiera mayor que la de 2008
El Ecomonista: La economía de EEUU solo creció un 0,1% en el primer trimestre, menos de lo esperado
El Economista: Yellen (Fed) dice que la desaceleración de la economía de EEUU es transitoria

http://www.anovaordemmundial.com/2014/05/investidor-marc-feber-teme-a-chegada-de-uma-nova-crise-financeira-maior-que-a-de-2008.html?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed%3A+anovaordemmundial%2FPNpa+%28A+Nova+Ordem+Mundial%29

Roger do Ultraje a Rigor interrompe show e responde militantes do PT, em especial José de Abreu


Publicado por  em 12 maio


Sábado (10), durante show do Ultraje a Rigor no Festival CCBB de Música Urbana no  Vale do Anhangabaú, em São Paulo, O líder da banda, Roger, parou por um momento a apresentação da banda para responder ao que chamou de ataque dos MAV’s que recebeu nas redes sociais. Roger foi chamado de desonesto intelectual e foi atacado em seu twitter por diversos militantes petistas, entre eles, José de Abreu, a quem enfatizou as críticas.
Roger, durante a leitura de um breve texto respondendo aos militantes do PT, foi ovacionado pelos presentes no show. - “Quem ta me pagando não é um partido que se considera dono do Brasil (…)” Acompanhe o vídeo:

                              

Extrato de ginseng pode ser superior à vacina contra gripe




Os extratos de ginseng vermelho coreano usados na pesquisa são produzidos por vaporização e secagem das raízes frescas da planta Panax ginseng com cerca de seis anos de idade. [Imagem: Florina_Presse/CC BY-ND]
ginseng, a raiz da planta Panax ginseng, é uma das plantas medicinais mais usadas no mundo, frequentemente vendida como um remédio para a fadiga sem contraindicações.
Sabe-se também que o ginseng atua sobre o sistema imunológico e afeta a replicação viral.
É por isso que a planta medicinal é uma forma muito eficaz de prevenção da gripe.
Embora venha sendo utilizado pelos seres humanos há milhares de anos, só recentemente pesquisadores começaram a investigar as utilizações terapêuticas e farmacológicas do ginseng, incluindo suas propriedades antialérgicas e anti-inflamatórias.
Melhor que vacina ou tamiflu
Um dos estudos mais recentes e mais significativos foi publicado pela equipe do Dr. Sang-Moo Kang, do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade do Estado da Geórgia (EUA).
Os resultados indicam que o consumo normal do extrato do ginseng vermelho coreano por indivíduos saudáveis pode prevenir infecções por diferentes cepas dos vírus da gripe - ao contrário das vacinas sazonais, que só protegem contra as variantes virais de cada estação.
E estudos em animais sugerem que a ingestão do ginseng a longo prazo poderia dar ao sistema imunológico uma melhor resistência para combater patógenos que ele venha a encontrar pela primeira vez no futuro.
Segundo o Dr. Sang-Moo, o efeito que o ginseng teve sobre as infecções pelo vírus de gripe, independentemente da variante do vírus, torna-o um substituto potencial superior à proteção contra cepas específicas fornecida pelas vacinas anuais contra a gripe e mesmo de medicamentos antivirais como o Tamiflu - que está sob fogo cerrado em relação à sua alegada eficácia como tratamento contra a gripe severa.
"Nosso estudo mais recente revelou que o ginseng melhorou a sobrevivência das células epiteliais do pulmão humano (células do tecido que reveste as cavidades do pulmão) quando alguém está infectado com o vírus da gripe," relata o pesquisador.
"Além disso, o tratamento com ginseng reduziu a expressão de genes pró-inflamatórios, provavelmente em parte interferindo quimicamente com moléculas reativas que contêm oxigênio e que são formadas pelo vírus da gripe," concluiu o Dr. Sang-Moo Kang.
Extrato de ginseng vermelho
Segundo o pesquisador, os extratos de ginseng vermelho coreano usados em sua pesquisa são produzidos por vaporização e secagem das raízes frescas da planta Panax ginseng com cerca de seis anos de idade.
Elas são cozidas em água e os sobrenadantes - ou líquidos acima do material que se deposita - são concentrados.
É essa preparação que pode ser designada como "extrato de ginseng vermelho".

Nível de água do Reservatório Cantareira, em SP, fica abaixo de 9% pela 1ª vez

O nível do sistema Cantareira voltou a cair neste domingo e agora o manancial opera com 8,9% da sua plena capacidade, informou um boletim técnico divulgado pela Sabesp.

Em uma semana o reservatório perdeu 1,2 pontos percentuais de sua capacidade. Com este ritmo de queda, a capacidade do Cantareira chegaria a 0% na última semana de junho, em plena Copa do Mundo. Na semana em questão, São Paulo receberá um jogo das oitavas-de-final do Mundial.

Para "salvar" o reservatório, o governo do Estado promete entregar na próxima quinta-feira (15) as obras para utilização do chamado "volume morto" – reserva de água na zona mais funda das represas que por ficar abaixo da tubulação que capta o líquido dos reservatórios ela precisa ser bombeada para a superfície. Técnicos da Sabesp dizem que a obra elevará o nível do Cantareira em 18,5%.

O problema, segundo especialistas, é que o uso do "volume morto" das represas do sistema Cantareira vai atrasar a recuperação dos reservatórios quando a chuva voltar. Isso se deve a uma espécie de "efeito esponja", que ocorre em áreas muito secas que voltam a receber chuva.

O sistema é responsável pelo abastecimento de parte da capital e de municípios da Grande São Paulo.

No total, mais de 8 milhões de pessoas recebem água do Cantareira diariamente. O reservatório ainda atende municípios da região de Campinas, no interior do Estado.

A cidade de São Paulo já está a quase 30 dias sem chuva significativa, segundo o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergência), da prefeitura. E as simulações meteorológicas não são nada animadoras, garantem os especialistas do centro.

Previsões indicam chuvas significativas apenas a partir do próximo dia 20, por conta da passagem de mais uma frente fria. Quem sofre com isso é o reservatório Cantareira.

O manancial passa pela pior estiagem dos últimos 84 anos. Desde o início do mês choveu 0,4 mm na região - a média para maio é de 83,2 mm. 

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/

http://www.libertar.in/2014/05/juizo-de-deus-nivel-de-agua-do.html

Siga este Blog

Postagem em destaque

Agora é real, NIBIRU está chegando, e já é visto a olho nu.

Olá amigos, desculpem a ausência. Estou muito mais ativo no meu mural Facebook, e também no nosso grupo do Facebook também, mas vamos lá...

NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

POSTAGENS MAIS VISITADAS

Disso Você Sabia ? no Facebook