Siga este Blog

quarta-feira, 24 de setembro de 2014

Descoberta épica do Big Bang pode ser apenas poeira espacial

Uma das descobertas astrofísicas mais emocionantes dos últimos tempos pode ser uma miragem.
Em março, uma equipa de cientistas anunciou ter encontrado evidências de ondas gravitacionais primordiais.
Tal facto validou a hipótese de ondulações no espaço-tempo, cuja existência sugere que o universo de fato se expandiu várias vezes mais rápido que a velocidade da luz nos primeiros instantes após o Big bang, como postulado pela teoria da inflação cósmica.
Mas alguns pesquisadores externos rapidamente levantaram questões sobre a descoberta. O suposto sinal de ondas gravitacionais, afirmam os céticos, pode realmente ser um contaminante, o resultado de poeira e gás dentro da nossa própria Via Láctea.
A equipa de pesquisa viu um padrão de polarização conhecida como "modos B" na radiação cósmica de fundo em microondas (RCFM), a luz antiga que restou do Big Bang que criou o universo há 13,8 bilhões de anos atrás.
A ampla aceitação da suposta descoberta provavelmente só ocorrerá se outros instrumentos o encontrem. Uma nova equipa seguiu o resultado, analisando dados da mesma região do céu numa variedade de frequências e a notícia não é muito boa, relata um novo estudo.
"Infelizmente, de acordo com a nossa análise, o efeito de contaminantes e, em particular, de gases presentes na nossa galáxia não pode ser descartado", disse Carlo Baccigalupi da Escola Internacional de Estudos Avançados em Trieste, Itália, e co-autor da pesquisa.
No entanto, o novo estudo não descarta a possibilidade de que a equipa anterior realmente viu a assinatura de ondas gravitacionais primordiais. Na verdade, os cientistas da nova equipa estão trabalhando com a equipe da descoberta para ver se este pode ser o caso.
O novo estudo será publicado na próxima segunda-feira 29 de setembro na revista Astronomy & Astrophysics. Até lá, e se tiver curiosidade, pode ler uma pré-impressão dele aqui: http://arxiv.org/abs/1409.5738 [Space]

http://www.ciencia-online.net/2014/09/descoberta-epica-do-big-bang-pode-ser-poeira-espacial.html?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed%3A+ciencia-online+%28Ci%C3%AAncia+Online%29
NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO