Seja Bem Vindo
NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

Siga este Blog

sábado, 30 de agosto de 2014

Putin: “A Rússia não será arrastada para grandes conflitos”

Vladimir Putin fala aos jovens

“A Rússia não será arrastada para grandes conflitos. Nossos parceiros devem cuidar de compreender que é melhor não tentar armar confusões que envolvam a Rússia” – disse o presidente Vladimir Putin, da Rússia, nesta 6ª-feira (29/8/2014).

“Quero esclarecer imediatamente, que a Rússia está muito longe de se deixar envolver em qualquer tipo de conflito em grande escala. Não queremos e não temos qualquer intenção de fazer tal coisa” – disse Putin, falando num encontro de jovens na Rússia central.

A Rússia é nação nuclear das mais poderosas do mundo

“A Rússia tem capacidade nuclear para preservar nossa própria segurança. E o país continuará a ampliar esse potencial nuclear, não para intimidar quem seja, mas para preservar nossa própria segurança” – o presidente continuou.

“Quero lembrá-los de que a Rússia é uma das nações nucleares mais poderosas do mundo. É a realidade, não são só palavras” – disse Putin.

“Estamos reforçando nossas forças nucleares de contenção e nossas forças armadas. Estão sendo compactadas e tornadas, simultaneamente, mais eficientes. Estão sendo modernizadas, no sentido de que estão sendo supridas com o armamento mais moderno. Continuamos a construir esse potencial, e assim continuaremos, no futuro próximo” – prosseguiu o presidente russo. – A Rússia não empreende esses esforços “para ameaçar quem quer que seja, mas exclusivamente para que o país sinta-se seguro e calmo e tenha os meios para implementar nossos próprios planos, para desenvolver a economia e a esfera social”, Putin continuou.

O presidente da Rússia alertou que “Temos de estar sempre prontos a repelir qualquer agressão contra a Rússia; e nossos parceiros devem ter sempre em mente que, não importa em que condições estejam seus governos, ou que conceito de política externa adotem, será sempre melhor que não se voltem contra a Rússia, se consideram um possível conflito armado”. E disse que, no momento, “a ninguém ocorreu ainda a ideia de tentar envolver a Rússia em conflito de grande escala”.

As autoridades em Kiev são incapazes de estabelecer a ordem na Ucrânia

“O ocidente tem de se dar conta de que as autoridade ucranianas são incapazes de estabelecer a ordem no próprio país; e deve forçar Kiev a iniciar negociações substanciais com as áreas do sudeste do país” – disse Putin nesta 6ª-feira.

Petro Poroshenko - Rei do Chocolate
( e Presidente do Banderastão)
Segundo o presidente russo, as autoridades de Kiev insistem em dizer que as conversações são necessárias, mas, ao mesmo tempo, mantêm seus militares em luta, na esperança de que consigam “impor alguma ordem lá, rapidamente”.

“Não aconteceu nem está acontecendo assim, e é importante que o ocidente dê-se conta desse fracasso, para que force as autoridades ucranianas a iniciar negociações realmente sérias, não só sobre os itens técnicos, que com certeza são muito importantes, mas também sobre itens de fundo, mais substantivos” – Putin continuou.

Na avaliação do presidente da Rússia, é necessário discutir que tipo de direitos terão as Repúblicas Populares de Donetsk e de Lugansk e o sudeste da Ucrânia, como um todo; depois disso, será preciso pôr em forma de lei, tudo o que ficar acertado.

“Isso é o que precisa ser discutido” – disse Putin. – “É importante discutir e acertar o cerne dessas questões; mas eles recusam-se a discutir e a decidir sobre a essência da questão; o problema é esse”.

O que significa a “federalização” da Ucrânia

A Rússia não interferirá na escolha de um modelo para o desenvolvimento do estado na Ucrânia, disse Putin. Acrescentou que não entende por que as autoridades em Kiev opõem-se à federalização da Ucrânia. – “Por alguma razão que não compreendo, nossos parceiros ucranianos tremem de medo só de ouvir falar em federação. Mas... Cabe a eles escolher e não nos intrometeremos nessa questão, de modo algum” – Putin continuou.

Ainda sobre esse assunto, Putin disse que tem confiança na consolidação do federalismo na Rússia. “A federação é elemento muito importante e significativo de nosso sistema de estado, porque nos permite cuidar melhor dos interesses de nossos cidadãos, com suas especificidades étnicas, históricas, religiosas e culturais, independente do ponto onde vivam” – disse Putin.

O presidente russo lembrou que há grande número de países que têm estrutura de federação: a Rússia, os EUA, o Brasil, a Alemanha, dentre outros.

A seguir vídeo da ENTREVISTA COMPLETA (2h 22' 42") traduzida para ESPANHOL produzido por Russia Today-TV:


Redecastorphoto 

Via: http://noticia-final.blogspot.com.br/2014/08/putin-russia-nao-sera-arrastada-para.html
NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO

POSTAGENS MAIS VISITADAS

Disso Você Sabia ? no Facebook