Siga este Blog

sexta-feira, 16 de maio de 2014

Um dos jornais mais conceituados do mundo cita estádio brasileiro como campeão de gastos absurdos e superfaturamento


Publicado por 
Washington Post, divulgou matéria sobre gastos com a Copa do Mundo relatando alguns gastos, que são absurdos até para um leigo que os analise. A matéria citou com atenção especial, o estádio Mané Garrincha, em Brasilia, local que nem se quer tem um grande time de futebol ou uma grande competição, o que fará o estádio ficar quase que inutilizado após a Copa. Um fato, no mínimo curioso apresentado pela matéria foi a análise feita, apresentando este estádio como o segundo mais caro de todos os tempos.
Outro dado muito interessante levantado pela matéria, foi o levantamento feito por uma auditoria independente quanto ao valor gasto com o transporte das arquibancadas pré-fabricadas, para o estádio. O levantamento constatou que o valor estimado de gastos ficou em torno de US$ 4,7 mil (Cerca de R$ 10,5 mil), no entanto o valor que foi efetivamente gasto com este processo foi(PASMEM) de R$ 1,5 milhão. Para ter acesso a matéria na integra, clique aqui.
Realmente a imagem do Brasil no exterior não está nada boa, quem não se lembra dos jornalistas que foram convidados pelo governo brasileiro para vir ao Brasil falar bem do país para os tabloides internacionais, e foram roubados aqui. Governos estão alertando seus turistas sobre o perigo de se vir ao Brasil, protestos já tomam conta do país, mais de 500 mil funcionários públicos ameaçam fazer greve durante a Copa. Tomara que o povo não seja mais prejudicado com tudo isso do que já está sendo com rios do seu dinheiro que não estão sendo aplicados no que realmente interessa, senão estádios superfaturados.
NÃO DEIXE DE CLICAR NOS ANÚNCIOS DESTE, VOCÊ ESTARA AJUDANDO A PERMANENCIA DO MESMO. OBRIGADO